Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Poder Judiciário da UniãoTribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios

Navegação

Ferramentas Pessoais
Principal Institucional Imprensa Notícias 2017 Abril Duas novas funcionalidades do PJe dão acesso a certidão de militância e processos aptos a julgamento

Duas novas funcionalidades do PJe dão acesso a certidão de militância e processos aptos a julgamento

por SB — publicado em 20/04/2017 15:25

pje O TJDFT disponibiliza para os usuários do Processo Judicial Eletrônico - PJe duas novas funcionalidades que tornam o sistema ainda mais eficiente e prático. Os advogados agora podem emitir, por meio do sistema, sua Certidão de Militância. O documento comprova a atuação dos advogados nos processos que tramitam pelo PJe. Para obter a certidão, o interessado pode clicar aqui ou entrar no site do TJDFT (www.tjdft.jus.br) e, em seguida, clicar na opção “Processo Eletrônico – PJe”, que aparece no menu “Advogados”, na parte central da coluna da direita. Na página que se abre, a Página do PJe, clicar sobre o link “Certidão de militância – PJe”, localizado no menu “Consultas”, do lado esquerdo da tela.

Outra funcionalidade permite consultar a relação de processos aptos a julgamento. A consulta é filtrada por fórum e órgão julgador. Para acessar, clique aqui ou vá até à Página do PJe, como explicado acima e, em seguida, clique na opção “Processos aptos a julgamento”, no menu “Consultas”.

Outras iniciativas do TJDFT em prol do usuário do PJe são o Chat Online e um e-mail específico para esclarecer dúvidas acerca do sistema (pje.atendimento@tjdft.jus.br). O chat funciona de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 18h30, e conta com atendentes aptos a sanar as dúvidas dos usuários. O serviço não aborda questões processuais, somente esclarece dúvidas técnicas relacionadas ao sistema. Para acessar o Chat Online do PJe, clique aqui ou vá até a Página do PJe, menu “Fale Conosco”, no centro da tela.

O PJe está sendo implantado no TJDFT desde julho de 2014 e, até 2018, estará em todas as varas do Tribunal.

ícone twitter  ícone facebook