Utilizar as salas de estudo em grupo ou consultar o acervo da Biblioteca Desembargador Antônio Mello Martins

O que é?

Trata-se de serviço para acesso à Biblioteca Desembargador Antônio Mello Martins, especializada em Direito, durante o horário de expediente do TJDFT, para consultar o seu acervo de livros e periódicos ou para utilizar as salas de estudo em grupo.

Unidade responsável

Subsecretaria de Biblioteca - SUBIB

Quem pode utilizar o serviço?

Qualquer cidadão.

Quais são os requisitos necessários para obter o serviço?

Identificar-se em uma das portarias de acesso ao Fórum Desembargador Milton Sebastião Barbosa ("Fórum de Brasília"). Não há outros requisitos para a consulta ao acervo.

É possível agendar a utilização das salas de estudo em grupo, embora não seja obrigatório. Caso o usuário queira agendar um horário para utilizar uma sala, deverá enviar a solicitação para o e-mail serbib@tjdft.jus.br e informar os seguintes dados (de todos os participantes do grupo):

  • Nome completo;
  • E-mail;
  • Endereço;
  • Telefone; e
  • CPF.

A solicitação de agendamento deverá ser enviada durante o horário de funcionamento da biblioteca, das 12h às 19h. As salas para estudo em grupo destinam-se exclusivamente a fins acadêmicos e, caso o agendamento não seja realizado, a sua utilização só será possível se as salas estiverem desocupadas e, também, se não houver reserva realizada para o horário desejado. Os grupos devem ser constituídos por, no mínimo, 2 (duas) pessoas, vedada a utilização individual. O tempo máximo de permanência é de 3 (três) horas diárias, período que poderá ser estendido, caso não haja reserva para os horários subsequentes.

Não há reserva de lugar para as cabines individuais, para as mesas de estudo ou para o ambiente destinado à leitura de jornais e revistas.

Há custos para obter o serviço?

Não. Tanto a consulta ao acervo quanto o acesso às salas de estudo em grupo e às demais dependências da bilbioteca são gratuitos. Eventuais fotocópias realizadas nos serviços de reprografia presentes na edificação serão cobradas.

Quais são as formas de atendimento?

Presencialmente:

No Serviço de Biblioteca - SERBIB.

Por e-mail:

Encaminhado ao Serviço de Biblioteca - SERBIB.

Qual o tempo previsto de espera para o início do atendimento?

O atendimento é imediato.

Quais são as principais etapas para a realização do serviço?

  1. Identificar-se em uma das portarias de acesso ao Fórum Desembargador Milton Sebastião Barbosa ("Fórum de Brasília");
  2. Comparecer à biblioteca para utilizar as salas de estudo em grupo ou consultar o acervo.

    Qual o prazo máximo para obtenção do serviço?

    O agendamento das salas de estudo em grupo é realizado no mesmo dia em que a solicitação é enviada ao e-mail serbib@tjdft.jus.br, desde que o pedido de reserva seja enviado até as 19h.

    A consulta ao acervo é imediata, a menos que o livro de interesse esteja indisponível.

    Em que dias e horários é possível acessar o serviço?

    Nos dias úteis, das 12h às 19h.

    Quais são as prioridades de atendimento?

      De acordo com a norma que disciplina a utilização da biblioteca, os usuários deverão ser atendidos na seguinte ordem de preferência: magistrados; servidores do TJDFT; bibliotecas e entidades conveniadas; estagiários remunerados do TJDFT; empregados terceirizados; público externo.

      Como consultar a situação de realização do serviço?

      Presencialmente ou por telefone:

      No Serviço de Biblioteca - SERBIB.

      Por e-mail:

      Encaminhado ao Serviço de Biblioteca - SERBIB.

      Como tirar dúvidas e receber orientações para obter o serviço?

      Presencialmente ou por telefone:

      No Serviço de Biblioteca - SERBIB.

      Por e-mail:

      Encaminhado ao Serviço de Biblioteca - SERBIB.

      Quais são as normas que orientam o serviço?