2020 v. 20 n. 79 jan./mar.

Artigos

01. Elaborando a constituição egípcia: uma análise comparativa entre os comitês de redação das constituições de 2012 e 2014
(Karim Mahmoud El-Shahed)

13
02. Ciudades inteligentes, finanzas desequilibradas: IFEs, IFIs y tributación para financiar el desarrollo urbano latinoamericano
(Antonello Tarzia)

25
03.

Educação e símbolos religiosos no Reino Unido e na Itália: uniformidade ou subsidiariedade?
(Frank Cranmer, Javier Garcia Oliva)

75
04. Do pouvir neutra ao poder moderador: a influência do constitucionalismo inglês no Brasil por meio da teoria de Benjamin Constant
(Luciene Dal Ri)

105
05. amicus curiae e as novas caras da justiça
(Eduardo Talamini)

133
06. O direito fundamental à boa administração pública como linha interpretativa para a lei de improbidade administrativa
(Janriê Rodrigues Reck, Maritana Mello Bevilacqua)

187
07. A responsabilidade dos agentes políticos por atos de improbidade administrativa: uma resposta à cultura do "jeitinho brasileiro"
(Osmar Veronese, Mariane Ribeiro Simch)

207
08. Geração distribuída e desenvolvimento sustentável 
(Ghabriel Campigotto Soethe, Luiz Alberto Blanchet)

233
09. As alterações da LINDB e a ponderação dos atos administrativos 
(Ricardo Marcondes Martins)

259
10. Assédio moral e castigo: a face perversa da administração pública
(Leonel Pires Ohlweller)

285