Programação

Curso de Formação de Instrutores em Justiça Restaurativa - Mediação Vítima-Ofensor

Curso híbrido, com aulas nos dias 15 e 16 de julho de 2024 na modalidade presencial, das 9h às 12h e das 13h às 17h30, e nos dias 17 e 18 de julho de 2024 na modalidade online, das 9h às 12h e das 13h às 17h30. Local: Escola de Formação Judiciária - EjuDFT, Laboratório de Informática 1 Local: Microsoft Teans Inscrições: 01/07/2024 12:00 a 11/07/2024 19:00
última modificação: 2024-07-01T23:43:07-03:00

Informações Gerais

Curso híbrido, com aulas nos dias 15 e 16 de julho de 2024 na modalidade presencial, das 9h às 12h e das 13h às 17h30, e nos dias 17 e 18 de julho de 2024 na modalidade online, das 9h às 12h e das 13h às 17h30.

Local: Escola de Formação Judiciária - EjuDFT, Laboratório de Informática 1
Local: Microsoft Teans

Público Alvo: Servidores e voluntários que trabalham diariamente com as práticas autocompositivas.

Número de vagas:  16

Carga horária: 30 horas aula 

* Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s) de realização do evento.

* Curso sujeito a autorização

   

Modalidade

Híbrido 

Docente e Currículo

ANDRÉ FELIPE GOMMA DE AZEVEDO

Plano Instrucional

Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem 

  

Avaliação de Aprendizagem  

 A avaliação de aprendizagem tem caráter formativo e acontece ao longo do curso. 

 

 

Avaliação de Reação

A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da ação educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

 

Certificação

O certificado será emitido somente às participantes e aos participantes que alcançarem:

  • 75% da pontuação das atividades avaliativas
  • 75% de frequência nas aulas síncronas e/ou presenciais

 

Inscrições 

Período de inscrições: de 01/07/2024 12:00 a 11/07/2024 19:00

Como realizar sua pré-inscrição

Solicitação de Pré-Inscrição

Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera  

Portaria Conjunta 92 de 25 de Agosto de 2020 - Dispõe sobre o Programa Permanente de Capacitação do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

Curso Facilitadores de Grupos Reflexivos de Homens Autores de Violência Doméstica e Familiar

Período do curso: 11 de junho a 1º de julho de 2024 Aulas síncronas: 11, 12, 17, 19, 24, 26/06/24 e 01/07/24 Horário: 08h30 às 11h30 Inscrições: 20 de maio a 4 de junho de 2024 (até às 19hs)
última modificação: 2024-06-05T15:28:27-03:00

Informações Gerais

Público Alvo: profissionais especializados de equipes multidisciplinares do TJDFT, com prioridade para a equipe do Núcleo Judiciário da Mulher- NJM/TJDFT, bem como integrantes de Instituições Públicas ou Privadas da Rede de Proteção que realizem Programas voltados à reflexão e responsabilização de homens autores de violência doméstica e familiar.

Número de vagas: 30 para o público interno e externo.  O Núcleo Judiciário da Mulher - NJM/TJDFT indicará o nome dos inscritos para homologação. 

Carga horária: 21 horas aula 

* Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s) de realização do evento.

* Curso sujeito a autorização

   

Modalidade

Presencial 

Docente e Currículo

ADRIANO BEIRAS

Professor do Departamento e do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal de SantaCatarina (PPGP/UFSC). Coordenador do PPGP/UFSC. Doutor Europeu em Psicologia Social pela Universidade Autônoma de Barcelona (UAB), Espanha. Estágios de Pós-doutorado naUFSC (Bolsa PDJ - CNPq), Universidade de Granada -Espanha, Universidade de Brighton-Reino Unido. Coordenador do Núcleo de Pesquisas Margens/UFSC. Vice-líder do grupo de pesquisa do CNPq NPPJ - Núcleo de Pesquisa em Psicologia Jurídica. Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nivel 2.

DANIEL FAUTH WASHINGTON MARTINS 

Graduado em Direito pela UFPR e em Psicologia pela PUCPR. Especialista em criminologia pelo ICPC. Especialista em Prática Clínica Psicanalítica pela PUCPR. Mestre em Direito pela UFPR. Doutorando em Psicologia pela UFSC. Membro do Grupo Margens (UFSC). Parceiro do CNJ na pesquisa e desenvolvimento de ações voltadas a homens autores de violência.

LUCIANA LOPES ROCHA

Juíza Auxiliar da Presidência do Conselho Nacional de Justiça – CNJ. Juíza de Direito Titular do Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Taguatinga do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios -TJDFT. Coordenadora do Núcleo Judiciário da Mulher do Distrito Federal – NJM/TJDFT. Possui Pós-Graduação Latu Sensu em Direito e Jurisdição com Área de Concentração em Gênero e Direito, pela Escola da Magistratura do Distrito Federal – ESMA/DF. Integra o Colégio de Coordenadores da Mulher em Situação de Violência Doméstica do Poder Judiciário Brasileiro – COCEVID. Foi Ex-Presidente do Fórum Nacional de Juízas e Juízes de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher- FONAVID (2018). Integrou os Grupos de Trabalho instituídos pelo Conselho Nacional de Justiça - CNJ para revisão e atualização do Manual de Rotinas e Estruturação dos Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher – 2ª edição revista e atualizada – Brasília, setembro/2018 e para Criação e Implantação do Formulário Nacional de Avaliação de Risco de Violência entre dezembro/2018 a março/2020. Integrou o Grupo de Trabalho para elaboração de estudos e propostas visando ao combate à violência doméstica e familiar contra a mulher (Portaria nº 168/22 CNJ) entre maio/2022 a dezembro/24. Participou do Grupo de Trabalho de Aperfeiçoamento da Legislação de Proteção às Mulheres Vítimas de Violência, instituído em decorrência do Pacto pelas Mulheres, assinado por diversos órgãos e entidades em agosto/19. Foi membra da AMB Mulheres (2018/2022). É
Formadora e Tutora da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam) e da Escola de Formação Judiciária do TJDFT - Ministro Luiz Vicente Cernicchiaro.

PRISCILA DE OLIVEIRA PARADA

Psicóloga e Mestre em Psicologia pela Universidade de Brasília com dissertação entitulada “O processo de término de namoros violentos e transição para novas relações”. Especialista em Políticas Públicas pela Universidade Cândido Mendes. Analista Judiciário da Área de Apoio Especializado em Psicologia do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT), onde atua há oito anos em atividades relacionadas ao combate à violência contra as mulheres.

RENATA BEVILAQUA CHAVES

Analista judiciário – especialidade Psicologia. Possui especialização em psicodrama. Atua há 15 anos com a temática de violência doméstica e familiar contra as mulheres. Possui prática na facilitação, capacitação e escrita teórica na temática de grupos reflexivos para homens autores de violência. Atualmente é supervisora do Núcleo Judiciário da Mulher/TJDFT.

MARCIA MARIA BORBA LINS DA SILVA 

Analista Judiciário da Área de Apoio Especial em Serviço Social do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) há 23 anos. Especialista sociodramatista pela Federação Brasileira de Psicodrama- FEBRAP. Possui experiência em situações de violência Doméstica contra Crianças e Adolescentes e Violência de Gênero contra Mulher. Experiência em Atendimento individual e em grupo à situação de violência. Assistente Social pela Universidade de Brasília. Formadora Nacional e Tutora de Entrevistadores Forenses e de Supervisores de Entrevistadores Forenses pelo Conselho Nacional de Justiça. Por sete anos supervisora do Serviço de Assessoramento aos Juízos Criminais do TJDFT e atualmente compõe a equipe do Núcleo Judiciário da Mulher-NJM do TJDFT.

Plano Instrucional

Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem 

  

Avaliação de Aprendizagem  

 A avaliação de aprendizagem tem caráter formativo e acontece ao longo do curso. 

 

 

Avaliação de Reação

A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da ação educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

 

Certificação

O certificado será emitido somente às participantes e aos participantes que alcançarem 30% da pontuação das atividades avaliativas e 70% de frequência nas aulas presenciais

 

Inscrições 

Período de inscrições: 20 de maio a 5 de junho de 2024 (até às 19hs)

Como realizar sua pré-inscrição

Solicitação de Pré-Inscrição

Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera  

Portaria Conjunta 92 de 25 de Agosto de 2020 - Dispõe sobre o Programa Permanente de Capacitação do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

Curso a Distância Violência contra a Pessoa Idosa - Especificidades de uma relação conflituosa

Período do curso: 12 a 25 de agosto de 2024 Aulas síncronas: 13, 15, 20 e 22 de agosto de 2024 Horário: 9h às 11h Inscrições: 24 de junho a 7 de agosto de 2024
última modificação: 2024-07-01T23:41:44-03:00

Informações Gerais

Período do curso: 12 a 25 de agosto de 2024 -  Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA
Aulas síncronas: 13, 15, 20 e 22 de agosto de 2024

Horário: 9h às 11h

Local: Microsoft Teams


Público Alvo: Servidores e Magistrados lotados na CJI // Servidores lotados em unidades que atendam aposentados e idosos externos // Servidores indicados pelo TJGO.

Número de vagas: 10 para o público externo. 

Carga horária: 12 horas, sendo:  8 horas-aula por meio de aula síncrona e 4 horas-aula  no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA).

* Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s) de realização do evento.

* Curso sujeita a autorização

   

Modalidade

A distância com aula síncrona e Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA.

 

Docente e Currículo

MONIZE DA SILVA FREITAS MARQUES

Juíza de Direito Coordenadora da Central Judicial do Idoso e do 2º Núcleo Virtual de Mediação e Conciliação do TJDFT. Especialista em Direito Processual Civil e Mestre em Gerontologia. Palestrante e conferencista na área de Direitos Humanos, no subtema IDOSO e ENVELHECIMENTO e suas repercussões sociais e jurídicas. Presidente das Comissões técnicas do TJDFT que culminaram na publicação da Portaria que instituiu o Cadastro Eletrônico de Voluntários para o Exercício de Curatela - CEVEC, bem como da Resolução que instituiu a Política de Gestão Intergeracional, estabelecendo princípios, diretrizes e instrumentos para a promoção do envelhecimento ativo e da capacidade de trabalho de magistrados, servidores e estagiários do TJDFT. Membro fundadora do Instituto Parentalidade Prateada. Autora de artigos sobre a temática. Coordenadora do grupo de trabalho do Conselho Nacional de Justiça para estudos da Política Nacional Judicial de Atenção à Pessoa Idosa.

Plano Instrucional

Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem (em breve).

  

Avaliação de Aprendizagem  

 A avaliação de aprendizagem tem caráter formativo e acontece ao longo do curso. 

 

 

Avaliação de Reação

A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da ação educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

 

Certificação

O certificado será emitido somente às participantes e aos participantes que alcançarem a frequência mínima no webinar. 

 

Inscrições 

Período de inscrições: de 24 de junho a 7 de agosto de 2024

Como realizar sua pré-inscrição

Solicitação de Pré-Inscrição

Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera  

Portaria Conjunta 92 de 25 de Agosto de 2020 - Dispõe sobre o Programa Permanente de Capacitação do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

Palestra de Abertura XVIII Semana Nacional de Conciliação TJDFT - Superendividamento sob os aspectos legal e comportamental

Data do Webinar: 3 de novembro de 2023 Período de inscrições: 19 de outubro a 31 de outubro de 2023 Telefone do contato: 31036741 (Whatsapp Business)
última modificação: 2024-05-18T08:05:46-03:00

Informações Gerais

Número de vagas: 180, presenciais distribuídas para o público interno e externo.

Carga horária: 2 horas-aula 

Local: Auditório Sepúlveda Pertence, com difusão simultânea no canal oficial do TJDFT no YouTube.

Data do webinar: 3 de novembro de 2023

Horário do webinar:  das 14hs às 16hs.

* Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a data de realização do evento.

** Em caso de necessidade de tradução por libras, gentileza entrar em contato pelo e-mail: escola.formacao@tjdft.jus.br

   

Modalidade

 Presencial no Auditório Sepúlveda Pertence, com difusão simultânea no canal oficial do TJDFT no YouTube.

Link de acesso

 

Objetivo Geral 

Ao final da ação educacional os participantes deverão ser capazes de reconhecer a regulamentação que disciplina o superendividamento no CDC, as inovações legais trazidas pela Lei n  14.181/21 e identificar os aspectos emocionais e comportamentais que contribuem para que ele ocorra.

Docentes e Currículos: 

TJDFT - Desembargador Leonardo Roscoe Bessa  - Doutor em Direito Civil pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro –UERJ (2008). Mestre em Direito Público pela Universidade de Brasília –UnB,Desembargador do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios com atuação na Sexta Turma Cível (Presidente) e na Segunda Câmara Cível (2021 -atual). Foi Procurador-Geral de Justiça do Distrito Federal (2014 a 2018) e Promotor de Justiça do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios com atuação em diversas áreas: família, sucessões, criminal, tribunal dojúri, consumidor (1991 -2019). Professor de Direito da graduação e Programa de Mestrado e Doutorado do UNICEUB, nas disciplinas: Direito do Consumidor, Direito Civil e Processo Civil Coletivo (2007 -atual).Autor de diversos livros, entre eles: Código de Defesa do Consumidor Comentado, Rio de Janeiro, Forense, 2022.Manual de Direito do Consumidor (em coautoria com Herman Benjamin e Cláudia Lima Marques). 10 ed Revista dos Tribunais, 2022

TJDFT -  Gabriel Moreira Carvalho Coura - Juiz Coordenador do 4º Núcleo Virtual de Mediação e Conciliação do TJDFT. Mediador, graduado em direito em 2010 pela Univerdade Vale do Rio Doce, especialização em direito penal e processo penal pela Faculdade de Direito Vale do Rio Doce. Foi procurador municipal, analista do Ministério Público de Minas Gerais e analista judiciário na Subseção Judiciária de Governador Valadares.

Psicóloga Adriana Rodrigues - Graduada em Psicologia e Ciências Contábeis.Funcionária da Câmara dos Deputados, onde trabalha no Programa de Educação Financeira.Idealizadora do Instituto Psicologia e Dinheiro.Há mais de 20 anos se dedica à psicologia aplicada às finanças pessoais, tendo facilitado o processo de centenas de pessoas no consultório e em cursos.É treinadora e supervisora de psicólogos e planejadores financeiros nessa área nascente no país, a Psicologia do Dinheiro.

 

Frequência

Participantes que realizaram inscrição no evento, a frequência será aferida durante todo o período da ação educativa.

ATENÇÃO: Os interessados homologados poderão optar por registrar a frequência presencialmente, no Auditório Sepúlveda Pertence, ou online, na trasmissão no Youtube.

 

IMPORTANTE: ao entrar no webinar, acesse o link ou QRcode divulgado durante a ação educacional e registre sua frequência. Este procedimento é obrigatório para atestar sua presença durante a  transmissão.

 

Certificação

O certificado será emitido somente aos participantes que obtiverem a frequência mínima exigida pela Portaria Conjunta n. 92/2020

    

Avaliação de Reação

A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da ação educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

 

    Inscrições 

    Período de inscrições:  de 19 de outubro a 31 de outubro de 2023.

    Como realizar sua pré-inscrição

    Solicitação de Pré-Inscrição

    Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

    Webinar Critérios de Fixação da Pena Base – Um Debate sobre a Nota Técnica CIJDF N. 10/23

    Data do Webinar: 06 de outubro de 2023 Período de inscrições: 14 de setembro a 4 de outubro de 2023 Telefone do contato: 31036741 (Whatsapp Business)
    última modificação: 2024-05-18T08:05:46-03:00

    Informações Gerais

    Número de vagas: 40 externas

                                             60 internas

    Carga horária: 2 horas-aula por meio de webinar ao vivo

    Horário do webinar:  das 9h às 11h

    * Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a data de realização do evento.

    ** Em caso de necessidade de tradução por libras, gentileza entrar em contato pelo e-mail: escola.formacao@tjdft.jus.br

       

    Modalidade

     A distância - Webinar por meio de videoconferência 

     

    Link para acesso ao Teams (exclusivo para os inscritos homologados)

    https://teams.microsoft.com/l/meetup-join/19%3ameeting_NDQ2Mjc4ZGQtM2NjNS00ZjRmLWFhZDktYmVhMzA5YTNkYjJj%40thread.v2/0?context=%7b%22Tid%22%3a%22dc420092-2247-4330-8f15-f9d13eebeda4%22%2c%22Oid%22%3a%224af6f987-f834-4efe-a90e-36c0ce94b5ab%22%7d

    Docentes e Currículos: 

    MPDFT - Promotor Dermeval Farias Gomes Filho - Natural de lbiassucê-BA, Doutor em Direito Penal pela PUC-SP (2023). Possui mestrado em Direito e Políticas Públicas, Processo e Controle Penal pelo UNICEUB (2018): Pós-graduação em Processo Civil pela Universidade Federal de Santa Catarina (2005): e graduação em DIREITO pela Universidade Vale do Rio Doce (2000). Foi Conselheiro Nacional do Ministério Público (membro do CNMP no biênio 2017—2019). Foi presidente da Comissão do Sistema Carcerário e do Controle Externo da Atividade Policial do CNMP de 2017 a 2019. Desde 2004, atua como Promotor de Justiça Criminal do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios. Desde 2008 é professor de Direito Penal na pós-graduação da Fundação Escola Superior do MPDFT. Ministra ainda aula na pós-graduação da Escola Superior do Ministério Público de São Paulo, bem como na pós-graduação de Direito Penal e Processual Penal do COGEAE da PUC-SP, na pós-graduação do Gran Jurídico. Integrou o grupo de pesquisa de política criminal do UNICEUB (Centro Universitário de Brasília). Atuou em 2013 como membro de comissão formada pelo CNMP para apresentar estudo crítico sobre o projeto 236/Senado (Novo Código Penal). Foi Assessor de Política Institucional da Procuradoria Geral de Justiça do MPDFT de 2010 a 2014. Participou do curso sobre problemas fundamentais de direito penal em Gottingen-Alemanha (2014). Autor de diversos artigos e livros, dentre os quais, se destaca a obra Dogmática Penal: fundamentos e limite à construção da jurisprudência penal no Supremo Tribunal Federal; e Direito Penal Negocial- a legitimação da resposta penal, publicados pela JusPodivm. 

    TJDFT - Juíza Lorena Alves Ocampos - Natural de Brasília/DF. Juíza de Direito Substituta no Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT). Mestre em Direito pelo Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP). Especialista em Direito pela União Pioneira de Integração Social (UPIS/DF). Professora das disciplinas de processo penal e de técnica de sentença penal para concursos públicos e pós-graduação. Autora de artigos e livros, dentre os quais destaca-se a obra "Audiência de custódia: a presença como direito fundamental", publicada pela editora D’Plácido.

    TJDFT - Juíza Paula Afoncina Barros Ramalho - Natural de Palmeira dos Índios/AL. Juíza de Direito Substituta do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), com atuação no Núcleo de Apoio ao Atendimento Integrado Judicial ao Adolescente em conflito com a Lei (NAIJUD), da 2ª Vara da Infância e Juventude do DF. Coordenadora do Grupo Temático de Direito Criminal do Centro de Inteligência da Justiça do DF. Possui mestrado em Direito pela Universidade Federal de Alagoas - UFAL (2009). Graduada em Direito pela Universidade Federal de Alagoas – UFAL (2006).

     

    Plano Instrucional

    Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

    Frequência

    A frequência será aferida por meio de link próprio disponibilizado na descrição do vídeo durante a transmissão no Teams.

    IMPORTANTE: ao entrar no webinar, acesse o link ou QRcode divulgado durante a ação educacional e registre sua frequência. Este procedimento é obrigatório para atestar sua presença durante a  transmissão.

     

    Certificação

    O certificado será emitido somente aos participantes que obtiverem a frequência mínima exigida pela Portaria Conjunta n. 92/2020

        

    Avaliação de Reação

    A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da ação educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

     

      Inscrições 

      Período de inscrições:  de 14 de setembro a 4 de outubro de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

      IV Seminário Internacional de Gestão e Inovação no Judiciário: Acesso à justiça por grupos e pessoas em situação de vulnerabilidade

      Data do evento: Dias 20, 21 e 22 de setembro de 2023, das 9h às 12h. Período de inscrições: de 18 de julho a 19 de setembro de 2023.
      última modificação: 2024-05-18T08:05:46-03:00

      Informações Gerais 

      Número de vagas: 1.000, distribuídas para o público interno e externo.

      Carga horária: 9 horas-aula 

      Datas: Dias 20, 21 e 22 de setembro de 2023, das 9h às 12h. Período de inscrições: de 18 de julho a 19 de setembro de 2023.

      Informações sobre o evento (programação e palestrantes): Acesse aqui o site do Seminário

        

      Local: YouTube - Videoconferência com transmissão ao vivo no canal oficial do TJDFT do YouTube. Basta acessar o link (youtube.com/TJDFTnoticias) e selecionar V Seminário Internacional de Gestão e Inovação em transmissões ao vivo ou acessar diretamente os links abaixo para assistir:

      Dia 20/09/2023: https://www.youtube.com/watch?v=hxdvwXko8Ys

      Dia 21/09/2023: https://www.youtube.com/watch?v=duBqMX8mGfI

      Dia 22/09/2023: https://www.youtube.com/watch?v=rSXIrDCuRgA

        

      Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s) de realização do evento.

        

      Público-Alvo: Magistrados e servidores do Poder Judiciário, integrantes das Escolas judiciais e das outras escolas de governo, estudantes e sociedade.

        

      Programação, Palestrantes e Currículos:


      Acesse o site do Seminário: Clique aqui

       

      Critérios para Aprovação

      Frequência mínima em pelo menos dois dias.

      Frequência: será aferida durante todo o período da ação educativa.

      Como registrar a frequência: acesse o link ou QRCode disponibilizado durante o Seminário. A participação não registrada por este meio será considerada falta.

        

      Certificado

      Será emitido somente aos participantes inscritos que registrarem frequência em pelo menos dois dias do Seminário

      Ao final da ação, os participantes receberão em seu e-mail um link para acesso ao certificado, que também pode ser obtido no link Certificados nas soluções educacionais da EjuDFT

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da ação educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

       

      Inscrições 

      Período de inscrições: de 18 de julho a 19 de setembro de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

      Webinar Liderança Inclusiva na Prática

      Webinar: 24 de julho de 2023, das 16h às 18h. Inscrições: 20 de junho a 19 de julho de 2023.
      última modificação: 2024-05-18T08:05:46-03:00

      Informações Gerais 

      Webinar: 24 de julho de 2023, das 16h às 18h.  

      Período de inscrições: 20 de junho a 19 de julho de 2023.

      Número de vagas: 33

      Carga horária: 2 horas/aula

      O link do Webinar será enviado por e-mail para as pessoas inscritas homologadas e aparecerá no calendário Teams.

      Atalho para acessar a solução educacional: Acesse aqui o webinar

       (Somente terá direito a certificação as pessoas previamente inscritas).

      Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s) de realização do evento.

        

      Modalidade

      Webinar realizado a distância pelo Teams (plataforma on-line).

       

      Docente e Currículo

      Lívia Sant'Anna Vaz

      Promotora de justiça do Ministério Público do Estado da Bahia. Doutora em Ciências Jurídico-Políticas pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Mestra em Direito Público pelaUniversidade Federal da Bahia. Especialista em Estudos Afro-latinoamericanos e Caribenhos doConsejo Latinoamericano de Ciencias Sociales. Coordenadora do Grupo de Trabalho deEnfrentamento ao Racismo e Respeito à Diversidade Étnica e Cultural (GT-4), da Comissão deDefesa dos Direitos Fundamentais do Conselho Nacional do Ministério Público. Autora dos livros "AJustiça é uma mulher negra" (Editora Letramento) e "Cotas Raciais" (Coleção Feminismos Plurais).Nomeada uma das 100 pessoas de descendência africana mais influentes do mundo, na edição Lei& Justiça.

       

      Critério para Aprovação

      Frequência mínima (exigida pela Portaria Conjunta n. 92/2020) será aferida durante todo o período da ação educativa.

      Como registrar a frequência: acesse o link ou QRCode disponibilizado durante a aula síncrona ou webinar. A participação não registrada por este meio será considerada falta.

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da ação educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

       

      Inscrições 

      Período de inscrições: 20 de junho a 19 de julho de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

      CANCELADO - Curso Presencial Atendimento às Vítimas de Crimes

      Período do curso: 13 de junho a 13 de julho de 2023 Aulas presenciais: 20, 22, 27, 29 de junho, 4, 6, 11 e 13 de julho de 2023 Horário: das 14h30 às 17h30 Inscrições: 23 de maio a 9 de junho de 2023
      última modificação: 2024-05-18T08:05:47-03:00

      Informações Gerais

      Público Alvo: Servidores e colaboradores que atuarão no Centro Especializado de Atenção às Vítimas – CEAV (2 servidores indicados do TJ - do Centro de Atendimento às vítimas de crimes ; 2 servidores indicados do M.P.; 2 servidores indicados da Defensoria Pública e 10 servidores indicados do PROVID (Secretaria de Justiça do DF)

      Número de vagas: 16 internas e externas

      Carga horária: 26 horas, sendo:

      • 24 horas-aula presencial - Na Escola de Formação Judiciária do TJDFT
      • horas-aula de atividades no Ambiente Virtual de Aprendizagem(AVA): http://escola.ead.tjdft.jus.br/

      * Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s) de realização do evento.

      * Curso em processo de autorização

         

      Modalidade

      Presencial e Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA.

      As atividades avaliativas serão realizadas em sala de aula (presencial).

       

      Docente e Currículo

      Júlio Cesar Rodrigues de Melo

      Analista Judiciário – Atividade processual, desde novembro de 2000; Bacharel em direito pelo Centro de Ensino Unificado de Brasília – UNICEUB (1998); Pós-graduado em “Docência Virtual e Presencial no Ensino Superior; Universidade Católica de Brasília – UBEC; Coordenador do Centro Especializado de Atenção às Vítimas de Crimes – CEAV; Coordenador do Núcleo de Justiça Restaurativa – NUJURES de 2017 a 2020; Autor do livro “A Abordagem Restaurativa no Poder Judiciário”; ganhador do “VI Prêmio Conciliar é Legal” pelo curso de Formação de Facilitadores em Justiça Restaurativa; Facilitador em Justiça Restaurativa; Instrutor do TJDFT na formação de conciliadores, mediadores, supervisores e facilitadores em justiça restaurativa; Instrutor do CNJ na formação de instrutores em mediação e conciliação; Instrutor em Pós-Graduação no Instituto de Direito Público – IDP; Tutor da Escola Nacional de Mediação para a formação de mediadores.

       

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

        

      Avaliação de Aprendizagem 

      Aula 1

      Os/as alunos/as deverão apresentar a opinião do grupo em aula síncrona sobre o significado da Resolução CNJ n. 253/2018, fazendo uma análise crítica acerca do citado normativo. A atividade valerá 2,5 pontos.

      Aula 2

      Os/as alunos/as deverão fazer uma apresentação sobre a solução encontrada pelo grupo para a problematização apresentada. A atividade valerá2,5 pontos.

       

      Aula 3

      Os/as alunos/as redigirão uma declaração de abertura e a entregarão ao professor. A atividade avaliativa valerá 5 pontos. 

       

      Aula 4

      Os/as alunos/as preencherão uma ficha contendo os pontos estruturadores da abordagem do atendimento às vítimas identificados na dramatização e a entregarão ao professor. A atividade avaliativa valerá 10 pontos. 

       

      Aula 5

      Os/as alunos/as redigirão um resumo contendo o reenquadramento do caso a partir da ótica do atendimento à vítima e a entregarão ao professor, em que demonstre a compreensão do crime, do trauma, do impacto e das necessidades geradas pela infração penal. A atividade avaliativa valerá 15 pontos. 

       

      Aula 6

      Os/as alunos/as redigirão um plano de superação contendo as estratégias definidas pela vítima para a reparação dos danos e o suprimento das necessidades geradas pelo crime. A atividade avaliativa valerá 15 pontos

       

      Aula 7

      Os/as alunos/as redigirão um texto indicando as dificuldades apresentadas e os caminhos encontrados para desarmar a vítima de suas defesas. A atividade avaliativa valerá 25 pontos. 

       

      Aula 8

      Os/as alunos/as redigirão um texto indicando as dificuldades apresentadas e os caminhos encontrados para auxiliar a vítima a seguir até o fim o plano de superação. A atividade avaliativa valerá 25 pontos. 

       

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da ação educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

       

      Certificação

      O certificado será emitido somente às participantes e aos participantes que alcançarem a frequência mínima no webinar. 

       

      Inscrições 

      Período de inscrições: De 23 de maio a 9 de junho de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera  

      Portaria Conjunta 92 de 25 de Agosto de 2020 - Dispõe sobre o Programa Permanente de Capacitação do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

      CANCELADO - Webinar Qualidade de vida e saúde de quem atua na Justiça Criminal

      última modificação: 2024-05-18T08:05:47-03:00

      Informações Gerais

      Data do Webinar: 
      Público-alvo: Magistrados, Magistradas, Servidores, Servidoras do TJDFT que atuam em Varas Criminais, Policiais Penais e Policiais Judiciais.
      Número de vagas: 50
      Carga horária: 2h 

      Local: Basta acessar o link  direto: 

      * Em caso de necessidade de tradução por libras, gentileza entrar em contato pelo e-mail: escola.formacao@tjdft.jus.br

      ** Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a data/horários de realização deste webinar.

      Docente e Currículo: 

      Laryssa Cerutti Hoff - Psicóloga, formada pela Universidade Federal de Goiás. Especialista em Saúde Pública pela Residência Multiprofissional Integrada da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Especialista em Cuidados Paliativos pela PUC-GO. Atua como coordenadora multiprofissional no Hospital Estadual de Jataí.

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

      Frequência

      IMPORTANTE: ao entrar no webinar, acesse o link ou QRcode divulgado durante a ação educacional e registre sua frequência. Este procedimento é obrigatório para atestar sua presença durante a  transmissão.

       

      Certificação

      O certificado será emitido somente aos participantes que obtiverem a frequência mínima exigida pela Portaria Conjunta n. 92/2020

      Os certificados de conclusão das ações educacionais emitidos pela Escola de Formação Judiciária, bem como os certificados emitidos por empresas/instituições de ações educacionais realizadas por intermédio da Escola de Formação Judiciária, serão automaticamente inseridos na pasta funcional do servidor e disponibilizados para o Adicional de Qualificação Temporário (AQT), conforme Portaria Conjunta 51/2009, não sendo permitida a averbação do documento na Secretaria de Recursos Humanos.

       

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da ação educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

      Inscrições 

      Período de inscrições: .

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

      Curso a Distância Conhecimentos Especializados de Inteligência e Contrainteligência - Turma I

      última modificação: 2024-05-18T08:05:47-03:00

      Informações Gerais

      Período do curso (AVA): 13 de março a 3 de abril de 2023.

      Aulas síncronas: 14, 16 , 21 e 23 de março de 2023, das 14h às 17h.

      Vagas: 50 (cinquenta)

      Carga horária: 32 horas-aula

      Onde: Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA (atividades avaliativas) e Microsoft Teams (aulas síncronas)

        

      Atenção!

      - Esta ação educacional faz parte do Programa de Reciclagem Anual - PRA 2023, é exclusiva para Policiais Judiciais e será considerada para GAS.

      - Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva ao direito de alterar a(s) data(s) e horário(s) de realização do evento.

        

      Modalidade

      A distância com aula síncrona (aulas síncronas via Microsoft Teams e assíncronas pelo AVA)

      As atividades avaliativas serão realizadas no Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA (https://ead.tjdft.jus.br

        

      Docentes

      AGOSTINHO GONÇALO DE LIRA JUNIOR - Policial Judicial do TJDFT há 23 anos, atualmente lotado no Núcleo de Inteligência, foi coordenador da Central de Guarda de Objetos de Crimes (CEGOC) e supervisor do Serviço de Segurança (SERSEG, atual NUPOL). Bacharel em Direito pelo Centro Universitário do Distrito Federal (UDF), Tecnólogo superior em Processamento de Dados pela União Educacional de Brasília (UNEB), Pós-graduado em Direito, Estado e Constituição pela Escola da Magistratura do Distrito Federal (AMAGIS/DF), Pós-graduado em Direito e Jurisdição pelo Sui Iuris/União Educacional do Planalto Central. Participou do Curso de Produção de Conhecimento em Serviços de Inteligência pelo STJ, do Programa de Elaboração do Plano Estratégico do TJDFT 2021-2026 e do curso de Segurança Cibernética pela Escola de Formação Judiciária do TJDFT.

      NELSON CALVET RABELO - Agente da Polícia Judicial do TJDFT. Analista de Inteligência do Núcleo de Inteligência do TJDFT NUINT. Bacharel em Direito pelo Centro Universitário de Brasília - CEUB/DF. Pós-graduado em Inteligência Policial pela Faculdade UNYLEYA/RJ. Pós-graduado em Direito Penal e Direito Processual Penal pela Faculdade UNYLEYA/RJ. Professor de Análise de Riscos e de Produção de Conhecimento para Assessoramento do Processo Decisório no Poder Judiciário. Palestrante e instrutor de temas correlatos à atividade de Inteligência, Segurança Institucional e Pessoal. Professor, Faixa Preta, 4º Grau, de Jiu-jitsu.

      MAURICIO VIÉGAS PINTO - Agente de Polícia Judicial. Máster Internacional em Operações de Inteligência e Contrainteligência (Espanha). Especialista em Inteligência e Segurança Internacional (Espanha). Especialista em Inteligência Estratégica pela Universidade Gama Filho. Diplomado pela Escola Superior de Guerra no Curso Superior de Política e Estratégia (CSUPE). Diplomado pela Escola Superior de Defesa no Curso Superior de Inteligência Estratégica (CSIE). Agraciado com a Medalha Coronel Bento Manoel de Medeiros pela Polícia Militar do Rio Grande do Norte. Possui artigos publicados sobre a Atividade de Inteligência em diversos periódicos especializados, dentre os quais a Revista da Agência Brasileira de Inteligência, a Revista do Ministério da Justiça e Segurança Pública e a Revista do Conselho Nacional de Justiça. Coordenou o Grupo de Trabalho do Conselho Nacional de Justiça que elaborou a minuta da Doutrina Nacional de Inteligência do Poder Judiciário (2016).

      WANDERSON JOSÉ GOMES DO CARMO - Policial judicial do TJDFT há 28 anos, bacharel em Direito, pós-graduado pela Escola da Magistratura do Distrito Federal. Estágio Especial de Inteligência para Órgãos Civis no Ministério da Defesa. Curso de Inteligência Policial na Polícia Militar do Distrito Federal. Curso de contrainteligência no Instituto Legislativo Brasileiro. Curso Básico e Avançado de Análise de Inteligência pela ADESG-AL. Participação no Programa de Elaboração do Plano estratégico do TJDFT 2021/2026. Curso de Segurança Cibernética pela Escola de Formação Judiciária.

         

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

           

      Avaliação de Aprendizagem

      A avaliação de Aprendizagem será realizada por meio de atividades avaliativas ao longo do curso, com pontuação cumulativa,  somando-se 100 pontos.
      Distribuição dos pontos para composição da nota final: 
      • 1ª aula - Docente Nélson
        - questionário referente ao conteúdo da aula síncrona (10 pontos)
        - leitura e análise de um texto e questionário (10 pontos)
        - fórum de discussão (5 pontos)
      •  2ª aula – Docente Wanderson
        - questionário referente ao conteúdo da aula síncrona (10 pontos)
        - leitura e análise de um texto e questionário (10 pontos)
        - fórum de discussão (5 pontos) 
      • 3ª aula – Docente Agostinho
        - questionário referente ao conteúdo da aula síncrona (10 pontos)
        - leitura e análise de um texto e questionário (10 pontos)
        - fórum de discussão (5 pontos) 
      • 4ª aula – Docente Maurício
        - questionário referente ao conteúdo da aula síncrona (10 pontos)
        - leitura e análise de um texto e questionário (10 pontos)
        - fórum de discussão (5 pontos) 
         

      Avaliação de Reação

      Durante o período em que os sistemas permanecerem inoperantes, a avaliação de reação da ação educacional será realizada por meio de formulário disponibilizado no chat dos webinários, no último dia de aula síncrona de cursos ou enviada por e-mail para os demais tipos de ações, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta.

         

      Certificação

      • Os certificados serão emitidos aos participantes que alcançarem o aproveitamento mínimo de 50% da pontuação das atividades avaliativas;
      • Os certificados de conclusão desta ação educacional emitidos pela Escola de Formação Judiciária serão inseridos na pasta funcional do servidor e considerados para a Gratificação de Atividade de Segurança (GAS), conforme Portaria GPR 299 de 25/03/2010, não sendo permitida a averbação do documento na Secretaria de Recursos Humanos;
      • Os certificados para o público externo serão disponibilizados por email.

          

      Inscrições 

      23 de fevereiro a 8 de março de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

         

      Informações para contratação externa

      última modificação: 2024-05-18T08:05:47-03:00
      Preencha e assine o documento e envie para coedi@tjdft.jus.br

      Declaração de Inexistência de Vínculo com o TJDFT

      Preencha e assine o documento e envie para coedi@tjdft.jus.br


      Pessoa Física

      Declaração de Ausência de Nepotismo

      Preencha e assine o documento e envie para coedi@tjdft.jus.br

      Declaração de Inexistência de Vínculo com o TJDFT

      Preencha e assine o documento e envie para coedi@tjdft.jus.br

      Curso Técnicas de Investigações Preliminares - Turma I

      última modificação: 2024-05-18T08:05:47-03:00

      Informações Gerais

      Período do curso (AVA): 20 de abril a 12 de maio de 2023.
      Aulas Síncronas pelo Teams: 24 e 26 de abril de 2023, das 14h às 17h.
      Aulas PRESENCIAIS (das 14h às 17h):
         - 28 de abril, na sala 509. Fórum de Brasília, Bloco A.
         - 3, 5 e 8 de maio de 2023, no Laboratório de Informatica 2. Fórum de Brasília, Bloco A, Sala 506.
      Vagas: 30
      Carga horária: 30 horas-aula

        

      Atenção!
      - A carga horária deste curso NÃO será considerada para a GAS, visto que pertence ao Programa de Aperfeiçoamento Técnico-Especializado.
      - Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva ao direito de alterar a(s) data(s) e horário(s) de realização do evento.

        

      Modalidade

      Semipresencial, compreendendo:
      - Aulas síncronas via Microsoft Teams;
      - Aulas PRESENCIAIS;
      - Atividades avaliativas no Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA (https://ead.tjdft.jus.br).

        

      Docente

      RICARDO MAGNO TEIXEIRA FONSECA
      Servidor de carreira de Polícia Civil do Distrito Federal (Agente de Polícia / Classe Especial), com mestrado em Segurança da Informação e Continuidade de Negócios (UCAM/Espanha, 2021) e especializações em áreas como Computação forense e Perícia digital (IPOG, 2020), Cybercrime (AVA, 2015), Ethical Hacking (UNICIV, 2021) e Direito Digital (Faculdade Damásio de Jesus). Graduado em Tecnologia da Informação (UNIP, 2012) e Direito (UniCeuma, 2002), atua na investigação de crimes cibernéticos de cerca de doze (doze) anos, além de ser instrutor credenciado nas instituições Polícia Civil do Distrito Federal - PCDF, Polícia Civil do Estado de Goiás - PCGO, Associação dos Magistrados do Estado de Goiás - ASMEGO, Escola Superior do Ministério Público da União – ESMPU e Secretaria Nacional de Segurança Pública – SENASP/MJ.

        

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

        

      Avaliação de Aprendizagem

      A avaliação de Aprendizagem será realizada por meio de atividades avaliativas ao longo do curso, com pontuação cumulativa,  somando-se 100 pontos.
      Distribuição dos pontos para composição da nota final: 
      • 1ª aula - até 15 pontos
        - Participação na aula síncrona - até 1,5 pontos;
        - Questão subjetiva - até 1 ponto;
        - Questão dissertativa - 2,5 pontos;
        - Questionário - até 10 pontos;
            
      • 2ª aula - até 15 pontos
        - Participação na aula síncrona - até 1,5 pontos;
        - Questão subjetiva - até 1 ponto;
        - Questão dissertativa - 2,5 pontos;
        - Questionário - até 10 pontos;
            
      • 3ª aula - até 15 pontos
        - Participação na aula presencial - até 1,5 pontos;
        - Questão subjetiva - até 1 ponto;
        - Questão dissertativa - 2,5 pontos;
        - Questionário - até 10 pontos;
            
      • 4ª aula - até 15 pontos
        - Participação na aula presencial - até 1,5 pontos;
        - Questão subjetiva - até 1 ponto;
        - Questão dissertativa - 2,5 pontos;
        - Questionário - até 10 pontos;
            
      • 5ª aula - até 15 pontos
        - Participação na aula presencial - até 1,5 pontos;
        - Questão subjetiva - até 1 ponto;
        - Questão dissertativa - 2,5 pontos;
        - Questionário - até 10 pontos;
            
      • 6ª aula - até 25 pontos
        - Participação na aula presencial - até 1 ponto;
        - Relatório - até 24 pontos.
            

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da solução educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

         

      Certificação

      • Os certificados serão emitidos aos participantes que alcançarem:
        • o aproveitamento mínimo de 50% da pontuação das atividades avaliativas, e;
        • frequência mínima de 75% nas aulas síncronas e/ou presenciais.
      • Os certificados de conclusão desta ação educacional emitidos pela Escola de Formação Judiciária serão inseridos na pasta funcional do servidor e considerados para a Gratificação de Adicional de Qualificação Temporário (AQT), conforme Portaria Conjunta 92 de 25 de Agosto de 2020, não sendo permitida a averbação do documento na Secretaria de Recursos Humanos;
      • Os certificados para o público externo serão disponibilizados por email.

          

      Inscrições 

      20 de março a 12 de abril de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

         

      Curso Técnicas de Investigações Preliminares - Turma II

      última modificação: 2024-05-18T08:05:47-03:00

      Informações Gerais

      Período do curso (AVA):10 de agosto a 5 de setembro de 2023.
      Aulas Síncronas pelo Teams:
         - 14 e 16 de agosto de 2023, das 15h às 18h.
      Aulas PRESENCIAIS (das 15h às 18h):
         - 18 de agosto, na sala 509. Fórum de Brasília, Bloco A.
         - 21, 23 e 25 de agosto de 2023, no Laboratório de Informatica 2. Fórum de Brasília, Bloco A, Sala 506.

      Vagas: 30
      Carga horária: 30 horas-aula

         

      NOVO HORÁRIO: DAS 15H ÀS 18H

         

      Atenção!
      - A carga horária deste curso NÃO será considerada para a GAS, visto que pertence ao Programa de Aperfeiçoamento Técnico-Especializado.
      - Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva ao direito de alterar a(s) data(s) e horário(s) de realização do evento.

        

      Modalidade

      Semipresencial, compreendendo:
      - Aulas síncronas via Microsoft Teams;
      - Aulas PRESENCIAIS;
      - Atividades avaliativas no Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA (https://ead.tjdft.jus.br).

        

      Docente

      RICARDO MAGNO TEIXEIRA FONSECA
      Servidor de carreira de Polícia Civil do Distrito Federal (Agente de Polícia / Classe Especial), com mestrado em Segurança da Informação e Continuidade de Negócios (UCAM/Espanha, 2021) e especializações em áreas como Computação forense e Perícia digital (IPOG, 2020), Cybercrime (AVA, 2015), Ethical Hacking (UNICIV, 2021) e Direito Digital (Faculdade Damásio de Jesus). Graduado em Tecnologia da Informação (UNIP, 2012) e Direito (UniCeuma, 2002), atua na investigação de crimes cibernéticos de cerca de doze (doze) anos, além de ser instrutor credenciado nas instituições Polícia Civil do Distrito Federal - PCDF, Polícia Civil do Estado de Goiás - PCGO, Associação dos Magistrados do Estado de Goiás - ASMEGO, Escola Superior do Ministério Público da União – ESMPU e Secretaria Nacional de Segurança Pública – SENASP/MJ.

        

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

        

      Avaliação de Aprendizagem

      A avaliação de Aprendizagem será realizada por meio de atividades avaliativas ao longo do curso, com pontuação cumulativa,  somando-se 100 pontos.
      Distribuição dos pontos para composição da nota final: 
      • 1ª aula - até 15 pontos
        - Participação na aula síncrona - até 1,5 pontos;
        - Questão subjetiva - até 1 ponto;
        - Questão dissertativa - 2,5 pontos;
        - Questionário - até 10 pontos;
            
      • 2ª aula - até 15 pontos
        - Participação na aula síncrona - até 1,5 pontos;
        - Questão subjetiva - até 1 ponto;
        - Questão dissertativa - 2,5 pontos;
        - Questionário - até 10 pontos;
            
      • 3ª aula - até 15 pontos
        - Participação na aula presencial - até 1,5 pontos;
        - Questão subjetiva - até 1 ponto;
        - Questão dissertativa - 2,5 pontos;
        - Questionário - até 10 pontos;
            
      • 4ª aula - até 15 pontos
        - Participação na aula presencial - até 1,5 pontos;
        - Questão subjetiva - até 1 ponto;
        - Questão dissertativa - 2,5 pontos;
        - Questionário - até 10 pontos;
            
      • 5ª aula - até 15 pontos
        - Participação na aula presencial - até 1,5 pontos;
        - Questão subjetiva - até 1 ponto;
        - Questão dissertativa - 2,5 pontos;
        - Questionário - até 10 pontos;
            
      • 6ª aula - até 25 pontos
        - Participação na aula presencial - até 1 ponto;
        - Relatório - até 24 pontos.
            

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da solução educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

         

      Certificação

      • Os certificados serão emitidos aos participantes que alcançarem:
        • o aproveitamento mínimo de 50% da pontuação das atividades avaliativas, e;
        • frequência mínima de 75% nas aulas síncronas e/ou presenciais.
      • Os certificados de conclusão desta ação educacional emitidos pela Escola de Formação Judiciária serão inseridos na pasta funcional do servidor e considerados para a Gratificação de Adicional de Qualificação Temporário (AQT), conforme Portaria Conjunta 92 de 25 de Agosto de 2020, não sendo permitida a averbação do documento na Secretaria de Recursos Humanos;
      • Os certificados para o público externo serão disponibilizados por email.

          

      Inscrições 

      20 de março a 7 de agosto de 2023 (prorrogado até 09/08/2023).

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

         

      Curso a Distância Conhecimentos Especializados de Inteligência e Contrainteligência - Turma II

      última modificação: 2024-05-18T08:05:47-03:00

      Informações Gerais

      Período do curso (AVA): 12 a 30 de junho de 2023.

      Aulas síncronas: 13, 15 , 20 e 22 de junho de 2023, das 14h às 17h.

      Vagas: 50 (cinquenta)

      Carga horária: 32 horas-aula

      Onde: Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA (atividades avaliativas) e Microsoft Teams (aulas síncronas)

        

      Atenção!

      - Esta ação educacional faz parte do Programa de Reciclagem Anual - PRA 2023, é exclusiva para Policiais Judiciais e será considerada para GAS.

      - Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva ao direito de alterar a(s) data(s) e horário(s) de realização do evento.

        

      Modalidade

      A distância com aula síncrona (aulas síncronas via Microsoft Teams e assíncronas pelo AVA)

      As atividades avaliativas serão realizadas no Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA (https://ead.tjdft.jus.br

        

      Docentes

      AGOSTINHO GONÇALO DE LIRA JUNIOR - Policial Judicial do TJDFT há 23 anos, atualmente lotado no Núcleo de Inteligência, foi coordenador da Central de Guarda de Objetos de Crimes (CEGOC) e supervisor do Serviço de Segurança (SERSEG, atual NUPOL). Bacharel em Direito pelo Centro Universitário do Distrito Federal (UDF), Tecnólogo superior em Processamento de Dados pela União Educacional de Brasília (UNEB), Pós-graduado em Direito, Estado e Constituição pela Escola da Magistratura do Distrito Federal (AMAGIS/DF), Pós-graduado em Direito e Jurisdição pelo Sui Iuris/União Educacional do Planalto Central. Participou do Curso de Produção de Conhecimento em Serviços de Inteligência pelo STJ, do Programa de Elaboração do Plano Estratégico do TJDFT 2021-2026 e do curso de Segurança Cibernética pela Escola de Formação Judiciária do TJDFT.

      NELSON CALVET RABELO - Agente da Polícia Judicial do TJDFT. Analista de Inteligência do Núcleo de Inteligência do TJDFT NUINT. Bacharel em Direito pelo Centro Universitário de Brasília - CEUB/DF. Pós-graduado em Inteligência Policial pela Faculdade UNYLEYA/RJ. Pós-graduado em Direito Penal e Direito Processual Penal pela Faculdade UNYLEYA/RJ. Professor de Análise de Riscos e de Produção de Conhecimento para Assessoramento do Processo Decisório no Poder Judiciário. Palestrante e instrutor de temas correlatos à atividade de Inteligência, Segurança Institucional e Pessoal. Professor, Faixa Preta, 4º Grau, de Jiu-jitsu.

      MAURICIO VIÉGAS PINTO - Agente de Polícia Judicial. Máster Internacional em Operações de Inteligência e Contrainteligência (Espanha). Especialista em Inteligência e Segurança Internacional (Espanha). Especialista em Inteligência Estratégica pela Universidade Gama Filho. Diplomado pela Escola Superior de Guerra no Curso Superior de Política e Estratégia (CSUPE). Diplomado pela Escola Superior de Defesa no Curso Superior de Inteligência Estratégica (CSIE). Agraciado com a Medalha Coronel Bento Manoel de Medeiros pela Polícia Militar do Rio Grande do Norte. Possui artigos publicados sobre a Atividade de Inteligência em diversos periódicos especializados, dentre os quais a Revista da Agência Brasileira de Inteligência, a Revista do Ministério da Justiça e Segurança Pública e a Revista do Conselho Nacional de Justiça. Coordenou o Grupo de Trabalho do Conselho Nacional de Justiça que elaborou a minuta da Doutrina Nacional de Inteligência do Poder Judiciário (2016).

      WANDERSON JOSÉ GOMES DO CARMO - Policial judicial do TJDFT há 28 anos, bacharel em Direito, pós-graduado pela Escola da Magistratura do Distrito Federal. Estágio Especial de Inteligência para Órgãos Civis no Ministério da Defesa. Curso de Inteligência Policial na Polícia Militar do Distrito Federal. Curso de contrainteligência no Instituto Legislativo Brasileiro. Curso Básico e Avançado de Análise de Inteligência pela ADESG-AL. Participação no Programa de Elaboração do Plano estratégico do TJDFT 2021/2026. Curso de Segurança Cibernética pela Escola de Formação Judiciária.

         

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

           

      Avaliação de Aprendizagem

      A avaliação de Aprendizagem será realizada por meio de atividades avaliativas ao longo do curso, com pontuação cumulativa,  somando-se 100 pontos.
      Distribuição dos pontos para composição da nota final: 
      • 1ª aula - Docente Nélson
        - questionário referente ao conteúdo da aula síncrona (10 pontos)
        - leitura e análise de um texto e questionário (10 pontos)
        - fórum de discussão (5 pontos)
      •  2ª aula – Docente Wanderson
        - questionário referente ao conteúdo da aula síncrona (10 pontos)
        - leitura e análise de um texto e questionário (10 pontos)
        - fórum de discussão (5 pontos) 
      • 3ª aula – Docente Agostinho
        - questionário referente ao conteúdo da aula síncrona (10 pontos)
        - leitura e análise de um texto e questionário (10 pontos)
        - fórum de discussão (5 pontos) 
      • 4ª aula – Docente Maurício
        - questionário referente ao conteúdo da aula síncrona (10 pontos)
        - leitura e análise de um texto e questionário (10 pontos)
        - fórum de discussão (5 pontos) 
         

      Avaliação de Reação

      Durante o período em que os sistemas permanecerem inoperantes, a avaliação de reação da ação educacional será realizada por meio de formulário disponibilizado no chat dos webinários, no último dia de aula síncrona de cursos ou enviada por e-mail para os demais tipos de ações, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta.

         

      Certificação

      • Os certificados serão emitidos aos participantes que alcançarem o aproveitamento mínimo de 50% da pontuação das atividades avaliativas;
      • Os certificados de conclusão desta ação educacional emitidos pela Escola de Formação Judiciária serão inseridos na pasta funcional do servidor e considerados para a Gratificação de Atividade de Segurança (GAS), conforme Portaria GPR 299 de 25/03/2010, não sendo permitida a averbação do documento na Secretaria de Recursos Humanos;
      • Os certificados para o público externo serão disponibilizados por e-mail.

          

      Inscrições 

      20 de abril a 7 de junho de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

         

      Curso a Distância Violência Doméstica contra a Pessoa Idosa - Especificidades de uma relação conflituosa que não pode ser rompida

      Período do curso: 23 de junho a 4 de julho de 2023 Aulas presenciais: 26, 28 e 30 de junho de 2023 Horário: das 9h30 às 11h. Inscrições: 1º a 21 de junho de 2023
      última modificação: 2024-05-18T08:05:47-03:00

      Informações Gerais

      Público Alvo: Servidores que atuam no Centro Judiciário de Solução de Conflitos e de Cidadania da Central Judicial do Idoso do TJDFT; servidores do TJDFT lotados nos Juizados Criminais e de Violência Doméstica. As vagas remanescentes poderão ser preenchidas pelos servidores lotados nas demais Unidades Judiciárias.

      Número de vagas: 50 internas e externas

      Carga horária: 9 horas, sendo:  4 horas-aula e 30 minutos por meio de aula síncrona e 4 horas-aula e 30 minutos no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA).

      * Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s) de realização do evento.

      * Curso autorizado

         

      Modalidade

      A distância com aula síncrona e Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA.

       

      Docente e Currículo

      MONIZE DA SILVA FREITAS MARQUES

      Juíza de Direito Coordenadora da Central Judicial do Idoso e do 2º Núcleo Virtual de Mediação e Conciliação do TJDFT. Especialista em Direito Processual Civil e Mestre em Gerontologia. Palestrante e conferencista na área de Direitos Humanos, no subtema IDOSO e ENVELHECIMENTO e suas repercussões sociais e jurídicas. Presidente das Comissões técnicas do TJDFT que culminaram na publicação da Portaria que instituiu o Cadastro Eletrônico de Voluntários para o Exercício de Curatela - CEVEC, bem como da Resolução que instituiu a Política de Gestão Intergeracional, estabelecendo princípios, diretrizes e instrumentos para a promoção do envelhecimento ativo e da capacidade de trabalho de magistrados, servidores e estagiários do TJDFT. Membro fundadora do Instituto Parentalidade Prateada. Autora de artigos sobre a temática. Coordenadora do grupo de trabalho do Conselho Nacional de Justiça para estudos da Política Nacional Judicial de Atenção à Pessoa Idosa.

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

        

      Avaliação de Aprendizagem 

       

       A avaliação de aprendizagem tem caráter formativo e acontece ao longo do curso. 

       

       

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da ação educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

       

      Certificação

      O certificado será emitido somente às participantes e aos participantes que alcançarem a frequência mínima no webinar. 

       

      Inscrições 

      Período de inscrições: De  1º a 21 de junho de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera  

      Portaria Conjunta 92 de 25 de Agosto de 2020 - Dispõe sobre o Programa Permanente de Capacitação do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

      Curso Reciclagem Policial Multidisciplinar - Turma I

      Aulas presenciais: 10, 11, 13, 14 e 15 de julho de 2023. Inscrições: 1º a 30 de junho de 2023. Público-alvo. Policiais judiciais do TJDFT. Vagas remanescentes poderão ser ocupadas por policiais judiciais do TRE/DF.
      última modificação: 2024-05-18T08:05:48-03:00

      Informações Gerais

      Aulas presenciais: 10, 11, 13, 14 e 15 de julho de 2023.

      Vagas: 20

      Carga horária: 30 horas-aula

      Público-alvo. Policiais judiciais do TJDFT. Vagas remanescentes poderão ser ocupadas por policiais judiciais do TRE/DF.

        

      Atenção!
      - Esta ação educacional faz parte do Programa de Reciclagem Anual - PRA 2023, é exclusiva para Policiais Judiciais e será considerada para GAS. 
      - Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s), local(is) e horário(s) de realização do evento.

        

      Modalidade

      Presencial.

      O curso será realizados nos dias, horários e locais indicados no quadro abaixo.

      O deslocamento será a cargo de cada participante, não haverá transporte institucional para os locais de realização do curso.

      DIA DATA HORÁRIO TEMA LOCAL
      Dia 1 10/07, segunda 13h-19h

      - APHT-C e;

         

      - Retenção de arma

      - Fórum de Brasília, bloco A, 5º andar, ala C, sala 507 - Sala de Aula 2

      - Centro de Treinamento NUPOL - Fórum de Brasília, 2º subsolo do bloco B, entre as alas B/C

      Dia 2 11/07, terça 10h-12h e 13h-19h Policiamento externo

      Sala de aula CORSEG/COTRAN e G3. SGO Quadra 2, Lotes 70/80/90/100, Área Especial 1, térreo, Brasília/DF, 70610-620

      Dia 3 13/07, quinta 14h-18h Gerenciamento de Crise e; Missões

      Sala de aula CORSEG/COTRAN e G3. SGO Quadra 2, Lotes 70/80/90/100, Área Especial 1, térreo, Brasília/DF, 70610-620

      Dia 4 14/07, sexta 8h-12h Policiamento de audiências

      Tribunal do Júri de Brasília - Fórum de Brasília, bloco B, 2º andar, salas 210/218

      Dia 5 15/07, sábado 8h-12h e 13h-17h Disparo de arma

      Tribunal do Júri de Brasília - Fórum de Brasília, bloco B, 2º andar, salas 210/218; e entrada privativa do bloco B 

         

      Requisitos para Participação

      Em cada aula os participantes precisam apresentar-se com o uniforme operacional completo. Não esqueça de:

      • algema
      • calça tática
      • camisa polo da Polícia Judicial
      • cinto tático
      • coldre para arma .40
      • colete
      • coturno
      • lanterna
      • porta algemas
      • porta carregador

      Não é necessário porte de arma para participar deste curso.

          

      Docentes

      ALEXANDRE GARCIA BONTEMPO
      Agente de Polícia Judicial do TJDFT desde 2001, com cursos de “Formação de Formadores” pelo TJDFT e “Docência em Segurança Pública” pela SENASP, já ministrou cursos de “Rádio Comunicação”, “Operador de SPARK Z 2.0”, “Segurança Institucional” e “Práticas de Segurança Organizacional” para os Agentes do TJDFT. Dentre os cursos e treinamentos que participou destacam-se “Operações Especiais” pela SORD Training Brazil, “Policiamento Ostensivo Judiciário” pela PMDF, “Análise, Observação e Detecção de Comportamentos Suspeitos” pela Academia Nacional de Polícia DPF, “Uso Diferenciado da Força” e “Instrumentos de Menor Potencial Ofensivo” pela SENASP, “Gerenciamento de Crises” pela SSP-DF, “Gerenciamento de Crises” pelo TJDFT, “Gestão de Riscos no Setor Público” pela ENAP e “Gestão de Riscos (Segurança)” pelo TJDFT. 

      ANTÔNIO NESTÓRIO ALVES URANI
      Pós-Graduando em Enfermagem em Urgência e Emergência; Pós-Graduado em Atendimento de Emergência Pré-Hospitalar (APH); Ministrou curso de APH em Combate para cadetes e oficiais do Grupo de Tiro de Combate da Academia Militar de Agulhas Negras (GTCAN/AMAN), para o DEPEN, ROTAM/PMDF, CBMDF, PPDF, SSE, PRF e outras forças policiais; Instrutor do curso de Nivelamento de Instrutores de Armamento e Tiro da Diretoria - Geral de Administração Penitenciária do Estado de Goiás; Docente de Resposta Civil a Eventos de Ataque Ativo (ALERRT); Provedor NAEMT/Comitê Brasileiro do Trauma PHTLS, TECC e TCCC; Certificado BLS, ACLS e PALS; Parceiro Educacional do Comitê de Atendimentos Táticos de Emergência (C-TECC).

      CARLOS EDUARDO INÁCIO DA SILVA
      Graduado em Geografia, pós graduado em segurança corporativa estratégica e pós graduando em atendimento pré-hospitalar. Servidor do TJDFT, desde de 2020, lotado no núcleo de policiamento(NUPOL) atuando nas audiências do Tribunal do júri na sede. Oriundo do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro, de 2008 até 2020, atuando no grupamento marítimo,na função de Guarda Vidas, onde concluiu o curso de salvamento no Mar.

      DAMIÃO RODRIGUES LIMA ARAUJO
      Servidor do TJDFT – Especialidade Agente de Polícia Judicial. Faixa Preta 5º DAN em Karatê pela Federação de Karatê do Distrito Federal e entorno. Instrutor do Instituto de formação em curso da área de segurança. Habilitado em técnicas de combate a curta distância, retenção e contra retenção de armas pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios. Professor de Artes Marciais com vasta experiência. Instrutor de Karatê (Shotokan) deste 1986.

      DANIEL CARVALHO RODRIGUES ALVES
      Bacharel em Geografia (UnB), pós graduado em Balística Forense e de Combate, pós graduado em políticas e gestão em segurança pública. Instrutor de armamento e tiro credenciado pela Polícia Federal. Instrutor de defesa pessoal (faixa preta de jiu-jítsu).

      EMERSON SILVA GOMES
      Policial Judicial do TJDFT desde 2010, Graduado em Gestão de Segurança Pública, Pós graduado em Políticas e Gestão em Segurança Pública, Instrutor Certificado pela TASER Training Academy, Instrutor Credenciado DPF em Equipamentos não Letais e Uso Diferenciado da Força, Instrutor de Segurança e Proteção de Autoridades Instrutor de Armamento e Tiro credenciado pela PF, Faixa Preta de Karate-Do (Shotokan).

      JEFERSON DE OLIVEIRA DANTAS
      Agente de Polícia Judicial do TJDFT. Supervisor Substituto NUPOL. Bacharel em Direito pela Faculdade UPIS. Pós-graduado em Direito e Jurisdição pelo IESB. Participante: I Curso de Gestão em Segurança Institucional (I CGSI) - MPDFT. Curso a Distância Crimes, Golpes e Fraudes no Mundo Cibernético - TJDFT. Curso de Isolamento de Local de Crime e Preservação de Vestígios e Cadeia de Custódia – TJDFT. Curso de Aperfeiçoamento em Violência e Mediação de Conflitos, Instituto Brasileiro de Educação - IBEDF. Curso em Análise Criminal I – Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública - SINESP. Curso Armas de Fogo e Munições - Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública – SINESP.

      MARCUS VINICIUS DE OLIVEIRA BUONAFINA
      Servidor do TJDFT desde 1991, Marcus Buonafina coordena o Núcleo de Policiamento do Fórum Júlio Fabbrini Mirabete, é instrutor de armamento e tiro, instrutor da Escola de Formação Judiciaria, formado na Academia Nacional de Polícia – ANP/PF, no 1º Curso de Formação da Polícia Judicial, no 1º Curso de  Segurança de Dignitários e Proteção à Pessoa - DEPATE/PCDF, instrutor no XII estágio de Segurança e  proteção de autoridades (ESPA), Polícia de Exército, formado em Direito e Ciências Contábeis, Pós-graduado em Gestão de Segurança Pública e Ciências Criminais (curso de Delegado de Polícia), formado  em atendimento pré-hospitalar de combate MARC 1.

      NAOR GORGA LUNA
      Formação acadêmica: Educação Física na UnB, pós-graduação em treinamento de força naUnB. Faixa-preta de Judô  ex-atleta da modalidade com participações em campeonatos nacionais e internacionais, inclusive representando a seleção brasileira. Curso de especialização em Budo no Japão. Servidor público do TJDFT desde 2008 na especialidade policial judicial. 
      Desde 2010 lotado na escolta do Presidente do TJDFT. Instrutor da Polícia Judicial em diversos cursos como defesa pessoal, retenção e contra retenção de armamento, imobilizaçoes táticas e direção ofensiva e evasiva.

      NELSON CALVET RABELO
      Agente da Polícia Judicial do TJDFT; Analista de Inteligência do Núcleo de Inteligência do TJDFT – NUINT; Bacharel em Direito pelo Centro Universitário de Brasília - CEUB/DF; Pós-graduado em Inteligência Policial pela Faculdade UNYLEYA/RJ; Pós-graduado em Direito Penal e Direito Processual Penal pela Faculdade UNYLEYA/RJ; Professor de Análise de Riscos e de Produção de Conhecimento para Assessoramento do Processo Decisório no Poder Judiciário; Palestrante e instrutor de temas correlatos à atividade de Inteligência, Segurança Institucional e Pessoal. Professor, Faixa Preta, 4º Grau, de Jiu-jitsu.

      RODRIGO BENTO DOS SANTOS
      Policial Judicial desde 2011, graduado em Administração de empresas e Recursos humanos, a graduar em Direito, Pós-graduado em Gestão de Segurança Pública e Docência do Ensino Superior, Instrutor de Equipamentos de baixa letalidade no TJDFT, Instrutor credenciado pela polícia federal para formação de seguranças na área privada, Instrutor de Armamento e Tiro com credenciamento na Polícia Federal e Motociclista Batedor com formação no Exército Brasileiro. Já foi Técnico Judiciário no Tribunal Superior Eleitoral, Investigador de Polícia Civil no Estado do Tocantins, Policial Penal Federal com exercício na Penitenciária Federal em Porto Velho- RO e Agente de Fiscalização de Trânsito no Distrito Federal, como também com diversas formações nestes labores supracitados.

      RAMON DE SOUZA ASENSI
      Servidor do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios desde agosto de 2001, médico veterinário formado pela Universidade de Brasília - UnB em 2003, pós-graduado em Gestão de Segurança Pública pela Faculdade de Tecnologia Darwin em 2008, operador Taser M26 e X26 pela Taser Brasil em 2010, Instrutor Master Taser M26, X26, X26P e X2 formado pela Taser Internacional em Columbus-OH (EUA) em 2014, Instrutor Multiplicador de Dispositivo Elétrico Incapacitante Spark em 2017; lotado no NUPOL.

        

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

        

      Avaliação de Aprendizagem

      A avaliação de Aprendizagem será realizada por meio de atividades avaliativas ao longo do curso, com pontuação cumulativa,  somando-se 100 pontos.
      Distribuição dos pontos para composição da nota final: 
      • Dia 1 - até 20 pontos
        - Retenção e contrarretenção de arma de fogo - até 10 pontos;
        - APHT-C em resposta a eventos de agressor ativo - até 10 pontos;
      • Dia 2 - até 20 pontos
        - Policiamento externo, abordagem a pé e abordagem motorizada - até 20 pontos;
      • Dia 3 - até 20 pontos
        - Introdução ao gerenciamento de crise  - até 10 pontos;
        - Planejamento e execução de missões - até 10 pontos;
      • Dia 4 - até 20 pontos
        - Policiamento de audiências e instalacões - até 20 pontos;
      • Dia 5 - até 20 pontos
        - Disparo de arma de fogo em ambiente confinado - até 20 pontos;
          
            

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da solução educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.   

      Certificação

      • Os certificados serão emitidos aos participantes que alcançarem:
        • o aproveitamento mínimo de 50% da pontuação das atividades avaliativas, e;
        • frequência mínima de 75% nas aulas síncronas e/ou presenciais.
      • Os certificados de conclusão desta ação educacional emitidos pela Escola de Formação Judiciária serão inseridos na pasta funcional do servidor e considerados para a Gratificação de Atividade de Segurança (GAS) não sendo permitida a averbação do documento na Secretaria de Recursos Humanos;
      • Os certificados para o público externo serão disponibilizados por email. 

      Inscrições 

      1º a 30 de junho de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

       

      Portaria GPR 299 de 25 de março de 2010 - Dispõe sobre o Programa de Reciclagem Anual no âmbito do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

      Portaria Conjunta 92 de 25 de agosto de 2020 - Dispõe sobre o Programa Permanente de Capacitação do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

       

      CANCELADO - Curso Reciclagem Policial Multidisciplinar - Turma II

      Aulas presenciais:24, 25, 27, 28 e 29 de julho de 2023. Inscrições: 1º de junho a 14 de julho de 2023. Público-alvo. Policiais judiciais do TJDFT. Vagas remanescentes poderão ser ocupadas por policiais judiciais do TRE/DF.
      última modificação: 2024-05-18T08:05:48-03:00

      Informações Gerais

      Comunicamos o cancelamento da turma 2 do Curso Reciclagem Policial Multidisciplinar que seria realizada de 24 a 29/07 em razão da baixa adesão.

      Aulas presenciais: 24, 25, 27, 28 e 29 de julho de 2023.
      Inscrições: 1º de junho a 14 de julho de 2023 (prorrogadas até 21/07/23).

      Vagas: 20

      Carga horária: 30 horas-aula

      Público-alvo. Policiais judiciais do TJDFT. Vagas remanescentes poderão ser ocupadas por policiais judiciais do TRE/DF.

        

      Atenção!
      - Esta ação educacional faz parte do Programa de Reciclagem Anual - PRA 2023, é exclusiva para Policiais Judiciais e será considerada para GAS. 
      - Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s), local(is) e horário(s) de realização do evento.

        

      Modalidade

      Presencial.

      O curso será realizados nos dias, horários e locais indicados no quadro abaixo.

      O deslocamento será a cargo de cada participante, não haverá transporte institucional para os locais de realização do curso.

      DIA DATA HORÁRIO TEMA LOCAL
      Dia 1 24/07, segunda 13h-19h

      APHT-C e; Retenção de arma

      Centro de Treinamento NUPOL - Fórum de Brasília, 2º subsolo do bloco B, entre as alas B/C 

      Dia 2 25/07, terça 10h-12h e 13h-19h Policiamento externo Sala de aula CORSEG/COTRAN e G3. SGO Quadra 2, Lotes 70/80/90/100, Área Especial 1, térreo, Brasília/DF
      Dia 3 27/07, quinta 14h-18h Gerenciamento de Crise e; Missões

      Sala de aula CORSEG/COTRAN e G3. SGO Quadra 2, Lotes 70/80/90/100, Área Especial 1, térreo, Brasília/DF

      Dia 4 28/07, sexta 8h-12h Policiamento de audiências

      Fórum de Brasília, bloco A, 5º andar, ala C, sala 501 (sala de aula 3)

      Dia 5 29/07, sábado 8h-12h e 13h-17h Disparo de arma

      Fórum de Brasília, bloco A, 5º andar, ala C, sala 501 (sala de aula 3)

          

      Requisitos para Participação

      Em cada aula os participantes precisam apresentar-se com o uniforme operacional completo. Não esqueça de:

      • algema
      • calça tática
      • camisa polo da Polícia Judicial
      • cinto tático
      • coldre para arma .40
      • colete
      • coturno
      • lanterna
      • porta algemas
      • porta carregador

      Não é necessário porte de arma para participar deste curso.

          

      Docentes

      ALEXANDRE GARCIA BONTEMPO
      Agente de Polícia Judicial do TJDFT desde 2001, com cursos de “Formação de Formadores” pelo TJDFT e “Docência em Segurança Pública” pela SENASP, já ministrou cursos de “Rádio Comunicação”, “Operador de SPARK Z 2.0”, “Segurança Institucional” e “Práticas de Segurança Organizacional” para os Agentes do TJDFT. Dentre os cursos e treinamentos que participou destacam-se “Operações Especiais” pela SORD Training Brazil, “Policiamento Ostensivo Judiciário” pela PMDF, “Análise, Observação e Detecção de Comportamentos Suspeitos” pela Academia Nacional de Polícia DPF, “Uso Diferenciado da Força” e “Instrumentos de Menor Potencial Ofensivo” pela SENASP, “Gerenciamento de Crises” pela SSP-DF, “Gerenciamento de Crises” pelo TJDFT, “Gestão de Riscos no Setor Público” pela ENAP e “Gestão de Riscos (Segurança)” pelo TJDFT. 

      ANTÔNIO NESTÓRIO ALVES URANI
      Pós-Graduando em Enfermagem em Urgência e Emergência; Pós-Graduado em Atendimento de Emergência Pré-Hospitalar (APH); Ministrou curso de APH em Combate para cadetes e oficiais do Grupo de Tiro de Combate da Academia Militar de Agulhas Negras (GTCAN/AMAN), para o DEPEN, ROTAM/PMDF, CBMDF, PPDF, SSE, PRF e outras forças policiais; Instrutor do curso de Nivelamento de Instrutores de Armamento e Tiro da Diretoria - Geral de Administração Penitenciária do Estado de Goiás; Docente de Resposta Civil a Eventos de Ataque Ativo (ALERRT); Provedor NAEMT/Comitê Brasileiro do Trauma PHTLS, TECC e TCCC; Certificado BLS, ACLS e PALS; Parceiro Educacional do Comitê de Atendimentos Táticos de Emergência (C-TECC).

      ARISTÓTELES MIRANDA DE CARVALHO
      Policial Judicial TJDFT desde 2001; de 2003 a 2005 participou de diversas escoltas realizadas no Tribunal de Juízes e Desembargadores ameaçados; desde 2006 até os dias atuais membro da escolta da Presidência; Graduado em Educação Física pela Universidade de Brasília-UnB; Graduado em Direito pelo faculdade IESB de Brasília; Pós-graduação em Direito, Ex-militar das Forças Armadas; Faixa Preta 4 grau de jiu-jítsu, Instrutor de Boxe, MMA e Karatê de Contato; também Instrutor de defesa pessoal e imobilização tática da Escola de Formação Judiciária do TJ; Estágio Operacional de Segurança de Autoridades pela Polícia Civil-DOE; Curso de Gerenciamento de Crises BOPE; Uso Seletivo da Força, Primeiros Socorros, Combate Corpo-a-corpo no BOPE; Campeão Mundial e Vice-Campeão Mundial de jiu-jítsu, Campeão Centro-Oeste de jiu-jítsu e de boxe, Tricampeão Brasiliense de jiu-jítsu e de boxe.

      DANIEL CARVALHO RODRIGUES ALVES
      Bacharel em Geografia (UnB), pós graduado em Balística Forense e de Combate, pós graduado em políticas e gestão em segurança pública. Instrutor de armamento e tiro credenciado pela Polícia Federal. Instrutor de defesa pessoal (faixa preta de jiu-jítsu).

      DAMIÃO RODRIGUES LIMA ARAUJO
      Servidor do TJDFT – Especialidade Agente de Polícia Judicial. Faixa Preta 5º DAN em Karatê pela Federação de Karatê do Distrito Federal e entorno. Instrutor do Instituto de formação em curso da área de segurança. Habilitado em técnicas de combate a curta distância, retenção e contra retenção de armas pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios. Professor de Artes Marciais com vasta experiência. Instrutor de Karatê (Shotokan) deste 1986.

      EMERSON SILVA GOMES
      Policial Judicial do TJDFT desde 2010, Graduado em Gestão de Segurança Pública, Pós graduado em Políticas e Gestão em Segurança Pública, Instrutor Certificado pela TASER Training Academy, Instrutor Credenciado DPF em Equipamentos não Letais e Uso Diferenciado da Força, Instrutor de Segurança e Proteção de Autoridades Instrutor de Armamento e Tiro credenciado pela PF, Faixa Preta de Karate-Do (Shotokan).

      HILÁRIO JOSÉ DE OLIVEIRA
      Servidor do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios, empossado em novembro de 2011, lotado no NUPOL, graduado em Curso Superior de Tecnologia em Segurança Pública pela Universidade Estácio de Sá. No TJDFT participou de vários cursos e treinamentos na área de Segurança Institucional realizados pela Escola de Formação Judiciária e também na área de Segurança Pública pelo Ministério da Justiça, entre eles: Oficina de Combate Policial; Local de Crime – Atividade de Polícia Judiciária; Filosofia dos Direitos Humanos Aplicada a Atuação Policial; Mediação de Conflitos; Segurança Pública – Desafios e Perspectivas ; Capacitação em Política Nacional Sobre Drogas; Instrutor de Segurança Contra Incêndio no PRA 2016; Formação de Formadores.

      JEFERSON DE OLIVEIRA DANTAS
      Agente de Polícia Judicial do TJDFT. Supervisor Substituto NUPOL. Bacharel em Direito pela Faculdade UPIS. Pós-graduado em Direito e Jurisdição pelo IESB. Participante: I Curso de Gestão em Segurança Institucional (I CGSI) - MPDFT. Curso a Distância Crimes, Golpes e Fraudes no Mundo Cibernético - TJDFT. Curso de Isolamento de Local de Crime e Preservação de Vestígios e Cadeia de Custódia – TJDFT. Curso de Aperfeiçoamento em Violência e Mediação de Conflitos, Instituto Brasileiro de Educação - IBEDF. Curso em Análise Criminal I – Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública - SINESP. Curso Armas de Fogo e Munições - Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública – SINESP.

      MARCOS AUGUSTO DE OLIVEIRA MADEIRA
      Policial Judicial do TJDFT desde 2014, graduou-se em Direito no ano de 2007; Pós-graduado em Direito pela FESUDEPERJ; Agente da polícia judicial, responsável pela segurança dos magistrados atuantes na execução penal em situação de risco; Instrutor dos cursos voltados à Formação e Especialização de Segurança, habilitado em diversas matérias e credenciado junto a DELESP/RJ; Instrutor de defesa Pessoal; Instrutor de Tiro; Instrutor de APH de combate.

      NELSON CALVET RABELO
      Agente da Polícia Judicial do TJDFT; Analista de Inteligência do Núcleo de Inteligência do TJDFT – NUINT; Bacharel em Direito pelo Centro Universitário de Brasília - CEUB/DF; Pós-graduado em Inteligência Policial pela Faculdade UNYLEYA/RJ; Pós-graduado em Direito Penal e Direito Processual Penal pela Faculdade UNYLEYA/RJ; Professor de Análise de Riscos e de Produção de Conhecimento para Assessoramento do Processo Decisório no Poder Judiciário; Palestrante e instrutor de temas correlatos à atividade de Inteligência, Segurança Institucional e Pessoal. Professor, Faixa Preta, 4º Grau, de Jiu-jitsu.

      NAOR GORGA LUNA
      Formação acadêmica: Educação Física na UnB, pós-graduação em treinamento de força naUnB. Faixa-preta de Judô  ex-atleta da modalidade com participações em campeonatos nacionais e internacionais, inclusive representando a seleção brasileira. Curso de especialização em Budo no Japão. Servidor público do TJDFT desde 2008 na especialidade policial judicial. 
      Desde 2010 lotado na escolta do Presidente do TJDFT. Instrutor da Polícia Judicial em diversos cursos como defesa pessoal, retenção e contra retenção de armamento, imobilizaçoes táticas e direção ofensiva e evasiva.

        

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

        

      Avaliação de Aprendizagem

      A avaliação de Aprendizagem será realizada por meio de atividades avaliativas ao longo do curso, com pontuação cumulativa,  somando-se 100 pontos.
      Distribuição dos pontos para composição da nota final: 
      • Dia 1 - até 20 pontos
        - Retenção e contrarretenção de arma de fogo - até 10 pontos;
        - APHT-C em resposta a eventos de agressor ativo - até 10 pontos;
      • Dia 2 - até 20 pontos
        - Policiamento externo, abordagem a pé e abordagem motorizada - até 20 pontos;
      • Dia 3 - até 20 pontos
        - Introdução ao gerenciamento de crise  - até 10 pontos;
        - Planejamento e execução de missões - até 10 pontos;
      • Dia 4 - até 20 pontos
        - Policiamento de audiências e instalacões - até 20 pontos;
      • Dia 5 - até 20 pontos
        - Disparo de arma de fogo em ambiente confinado - até 20 pontos;
          
            

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da solução educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.   

      Certificação

      • Os certificados serão emitidos aos participantes que alcançarem:
        • o aproveitamento mínimo de 50% da pontuação das atividades avaliativas, e;
        • frequência mínima de 75% nas aulas síncronas e/ou presenciais.
      • Os certificados de conclusão desta ação educacional emitidos pela Escola de Formação Judiciária serão inseridos na pasta funcional do servidor e considerados para a Gratificação de Atividade de Segurança (GAS) não sendo permitida a averbação do documento na Secretaria de Recursos Humanos;
      • Os certificados para o público externo serão disponibilizados por email. 

      Inscrições 

      1º de junho a 14 de julho de 2023 (prorrogadas até 21/07/23).

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

         

      Portaria GPR 299 de 25 de março de 2010 - Dispõe sobre o Programa de Reciclagem Anual no âmbito do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

      Portaria Conjunta 92 de 25 de agosto de 2020 - Dispõe sobre o Programa Permanente de Capacitação do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

      Curso Reciclagem Policial Multidisciplinar - Turma III

      Aulas presenciais: 31 de julho; 1, 3, 4 e 5 de agosto de 2023. Inscrições: 1º de junho a 21 de julho de 2023. Público-alvo. Policiais judiciais do TJDFT. Vagas remanescentes poderão ser ocupadas por policiais judiciais do TRE/DF.
      última modificação: 2024-05-18T08:05:48-03:00

      Informações Gerais

      Aulas presenciais: 31 de julho; 1, 3, 4 e 5 de agosto de 2023.
      Inscrições: 1º de junho a 21 de julho de 2023.

      Vagas: 20

      Carga horária: 30 horas-aula

      Público-alvo. Policiais judiciais do TJDFT. Vagas remanescentes poderão ser ocupadas por policiais judiciais do TRE/DF.

        

      Atenção!
      - Esta ação educacional faz parte do Programa de Reciclagem Anual - PRA 2023, é exclusiva para Policiais Judiciais e será considerada para GAS. 
      - Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s), local(is) e horário(s) de realização do evento.

        

      Modalidade

      Presencial.

      O curso será realizados nos dias, horários e locais indicados no quadro abaixo.

      O deslocamento será a cargo de cada participante, não haverá transporte institucional para os locais de realização do curso.

        

      DIA DATA HORÁRIO TEMA LOCAL
      Dia 1 31/07, segunda 13h-19h

      APHT-C e; Retenção de arma

      Centro de Treinamento NUPOL - Fórum de Brasília, 2º subsolo do bloco B, entre as alas B/C 

      Dia 2 01/08, terça 10h-12h e 13h-19h Policiamento externo Sala de aula CORSEG/COTRAN e G3. SGO Quadra 2, Lotes 70/80/90/100, Área Especial 1, térreo, Brasília/DF
      Dia 3 03/08, quinta 14h-18h Gerenciamento de Crise e; Missões

      Sala de aula CORSEG/COTRAN e G3. SGO Quadra 2, Lotes 70/80/90/100, Área Especial 1, térreo, Brasília/DF

      Dia 4 04/08, sexta 8h-12h Policiamento de audiências

      Fórum de Brasília, bloco A, 5º andar, ala C, sala 501 (sala de aula 3)

      Dia 5 05/08, sábado 8h-12h e 13h-17h Disparo de arma

      Fórum de Brasília, bloco A, 5º andar, ala C, sala 501 (sala de aula 3)

         

      Requisitos para Participação

      Em cada aula os participantes precisam apresentar-se com o uniforme operacional completo. Não esqueça de:

      • algema
      • calça tática
      • camisa polo da Polícia Judicial
      • cinto tático
      • coldre para arma .40
      • colete
      • coturno
      • lanterna
      • porta algemas
      • porta carregador

      Não é necessário porte de arma para participar deste curso.

          

      Docentes

      ANTÔNIO NESTÓRIO ALVES URANI
      Pós-Graduando em Enfermagem em Urgência e Emergência; Pós-Graduado em Atendimento de Emergência Pré-Hospitalar (APH); Ministrou curso de APH em Combate para cadetes e oficiais do Grupo de Tiro de Combate da Academia Militar de Agulhas Negras (GTCAN/AMAN), para o DEPEN, ROTAM/PMDF, CBMDF, PPDF, SSE, PRF e outras forças policiais; Instrutor do curso de Nivelamento de Instrutores de Armamento e Tiro da Diretoria - Geral de Administração Penitenciária do Estado de Goiás; Docente de Resposta Civil a Eventos de Ataque Ativo (ALERRT); Provedor NAEMT/Comitê Brasileiro do Trauma PHTLS, TECC e TCCC; Certificado BLS, ACLS e PALS; Parceiro Educacional do Comitê de Atendimentos Táticos de Emergência (C-TECC).

      CARLOS EDUARDO INÁCIO DA SILVA
      Graduado em Geografia, pós graduado em segurança corporativa estratégica e pós graduando em atendimento pré-hospitalar. Servidor do TJDFT, desde de 2020, lotado no núcleo de policiamento(NUPOL) atuando nas audiências do Tribunal do júri na sede. Oriundo do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro, de 2008 até 2020, atuando no grupamento marítimo,na função de Guarda Vidas, onde concluiu o curso de salvamento no Mar.

      DAMIÃO RODRIGUES LIMA ARAUJO
      Servidor do TJDFT – Especialidade Agente de Polícia Judicial. Faixa Preta 5º DAN em Karatê pela Federação de Karatê do Distrito Federal e entorno. Instrutor do Instituto de formação em curso da área de segurança. Habilitado em técnicas de combate a curta distância, retenção e contra retenção de armas pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios. Professor de Artes Marciais com vasta experiência. Instrutor de Karatê (Shotokan) deste 1986.

      DANIEL CARVALHO RODRIGUES ALVES
      Bacharel em Geografia (UnB), pós graduado em Balística Forense e de Combate, pós graduado em políticas e gestão em segurança pública. Instrutor de armamento e tiro credenciado pela Polícia Federal. Instrutor de defesa pessoal (faixa preta de jiu-jítsu).

      EMERSON ALVES DE GUSMÃO
      Professor de jiu-jitsu desde 2007. Policial penal de 2007 a 2011. Campeão mundial de jiu-jitsu em2014 e 2018. (Faixa preta), entre outros. Curso de instrutor pela Academia Ribeiro. Curso de intervenção carcerária. Curso combate com arma. Curso abordagem.

      EMERSON SILVA GOMES
      Policial Judicial do TJDFT desde 2010, Graduado em Gestão de Segurança Pública, Pós graduado em Políticas e Gestão em Segurança Pública, Instrutor Certificado pela TASER Training Academy, Instrutor Credenciado DPF em Equipamentos não Letais e Uso Diferenciado da Força, Instrutor de Segurança e Proteção de Autoridades Instrutor de Armamento e Tiro credenciado pela PF, Faixa Preta de Karate-Do (Shotokan).

      JEFERSON DE OLIVEIRA DANTAS
      Agente de Polícia Judicial do TJDFT. Supervisor Substituto NUPOL. Bacharel em Direito pela Faculdade UPIS. Pós-graduado em Direito e Jurisdição pelo IESB. Participante: I Curso de Gestão em Segurança Institucional (I CGSI) - MPDFT. Curso a Distância Crimes, Golpes e Fraudes no Mundo Cibernético - TJDFT. Curso de Isolamento de Local de Crime e Preservação de Vestígios e Cadeia de Custódia – TJDFT. Curso de Aperfeiçoamento em Violência e Mediação de Conflitos, Instituto Brasileiro de Educação - IBEDF. Curso em Análise Criminal I – Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública - SINESP. Curso Armas de Fogo e Munições - Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública – SINESP.

      MARCUS VINICIUS DE OLIVEIRA BUONAFINA
      Servidor do TJDFT desde 1991, Marcus Buonafina coordena o Núcleo de Policiamento do Fórum Júlio Fabbrini Mirabete, é instrutor de armamento e tiro, instrutor da Escola de Formação Judiciaria, formado na Academia Nacional de Polícia – ANP/PF, no 1º Curso de Formação da Polícia Judicial, no 1º Curso de  Segurança de Dignitários e Proteção à Pessoa - DEPATE/PCDF, instrutor no XII estágio de Segurança e  proteção de autoridades (ESPA), Polícia de Exército, formado em Direito e Ciências Contábeis, Pós-graduado em Gestão de Segurança Pública e Ciências Criminais (curso de Delegado de Polícia), formado  em atendimento pré-hospitalar de combate MARC 1.

      NELSON CALVET RABELO
      Agente da Polícia Judicial do TJDFT; Analista de Inteligência do Núcleo de Inteligência do TJDFT – NUINT; Bacharel em Direito pelo Centro Universitário de Brasília - CEUB/DF; Pós-graduado em Inteligência Policial pela Faculdade UNYLEYA/RJ; Pós-graduado em Direito Penal e Direito Processual Penal pela Faculdade UNYLEYA/RJ; Professor de Análise de Riscos e de Produção de Conhecimento para Assessoramento do Processo Decisório no Poder Judiciário; Palestrante e instrutor de temas correlatos à atividade de Inteligência, Segurança Institucional e Pessoal. Professor, Faixa Preta, 4º Grau, de Jiu-jitsu.

      RODRIGO BENTO DOS SANTOS
      Policial Judicial desde 2011, graduado em Administração de empresas e Recursos humanos, a graduar em Direito, Pós-graduado em Gestão de Segurança Pública e Docência do Ensino Superior, Instrutor de Equipamentos de baixa letalidade no TJDFT, Instrutor credenciado pela polícia federal para formação de seguranças na área privada, Instrutor de Armamento e Tiro com credenciamento na Polícia Federal e Motociclista Batedor com formação no Exército Brasileiro. Já foi Técnico Judiciário no Tribunal Superior Eleitoral, Investigador de Polícia Civil no Estado do Tocantins, Policial Penal Federal com exercício na Penitenciária Federal em Porto Velho- RO e Agente de Fiscalização de Trânsito no Distrito Federal, como também com diversas formações nestes labores supracitados.

      RAMON DE SOUZA ASENSI
      Servidor do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios desde agosto de 2001, médico veterinário formado pela Universidade de Brasília - UnB em 2003, pós-graduado em Gestão de Segurança Pública pela Faculdade de Tecnologia Darwin em 2008, operador Taser M26 e X26 pela Taser Brasil em 2010, Instrutor Master Taser M26, X26, X26P e X2 formado pela Taser Internacional em Columbus-OH (EUA) em 2014, Instrutor Multiplicador de Dispositivo Elétrico Incapacitante Spark em 2017; lotado no NUPOL.  

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

       

      Avaliação de Aprendizagem

      A avaliação de Aprendizagem será realizada por meio de atividades avaliativas ao longo do curso, com pontuação cumulativa,  somando-se 100 pontos.
      Distribuição dos pontos para composição da nota final: 
      • Dia 1 - até 20 pontos
        - Retenção e contrarretenção de arma de fogo - até 10 pontos;
        - APHT-C em resposta a eventos de agressor ativo - até 10 pontos;
      • Dia 2 - até 20 pontos
        - Policiamento externo, abordagem a pé e abordagem motorizada - até 20 pontos;
      • Dia 3 - até 20 pontos
        - Introdução ao gerenciamento de crise  - até 10 pontos;
        - Planejamento e execução de missões - até 10 pontos;
      • Dia 4 - até 20 pontos
        - Policiamento de audiências e instalacões - até 20 pontos;
      • Dia 5 - até 20 pontos
        - Disparo de arma de fogo em ambiente confinado - até 20 pontos;
          
            

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da solução educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.   

      Certificação

      • Os certificados serão emitidos aos participantes que alcançarem:
        • o aproveitamento mínimo de 50% da pontuação das atividades avaliativas, e;
        • frequência mínima de 75% nas aulas síncronas e/ou presenciais.
      • Os certificados de conclusão desta ação educacional emitidos pela Escola de Formação Judiciária serão inseridos na pasta funcional do servidor e considerados para a Gratificação de Atividade de Segurança (GAS) não sendo permitida a averbação do documento na Secretaria de Recursos Humanos;
      • Os certificados para o público externo serão disponibilizados por email. 

      Inscrições 

      1º de junho a 21 de julho de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

      Portaria GPR 299 de 25 de março de 2010 - Dispõe sobre o Programa de Reciclagem Anual no âmbito do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

      Portaria Conjunta 92 de 25 de agosto de 2020 - Dispõe sobre o Programa Permanente de Capacitação do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

      Curso Reciclagem Policial Multidisciplinar - Turma IV

      Aulas presenciais: 14, 15, 17, 18 e 19 de agosto de 2023. Inscrições: 1º de junho a 4 de agosto de 2023. Público-alvo. Policiais judiciais do TJDFT. Vagas remanescentes poderão ser ocupadas por policiais judiciais do TRE/DF.
      última modificação: 2024-05-18T08:05:48-03:00

      Informações Gerais

      Aulas presenciais: 14, 15, 17, 18 e 19 de agosto de 2023.

      Público-alvo. Policiais judiciais do TJDFT. Vagas remanescentes poderão ser ocupadas por policiais judiciais do TRE/DF.

      Vagas: 20

      Carga horária: 30 horas-aula

        

      Atenção!
      - Esta ação educacional faz parte do Programa de Reciclagem Anual - PRA 2023, é exclusiva para Policiais Judiciais e será considerada para GAS. 
      - Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s), local(is) e horário(s) de realização do evento.

        

      Modalidade

      Presencial.

      O curso será realizados nos dias, horários e locais indicados no quadro abaixo.

      O deslocamento será a cargo de cada participante, não haverá transporte institucional para os locais de realização do curso.

        

      DIA DATA HORÁRIO TEMA LOCAL
      Dia 1 14/08, segunda 13h-19h

      APHT-C e; Retenção de arma

      Centro de Treinamento NUPOL - Fórum de Brasília, 2º subsolo do bloco B, entre as alas B/C 

      Dia 2 15/08, terça 10h-12h e 13h-19h Policiamento externo Sala de aula CORSEG/COTRAN e G3. SGO Quadra 2, Lotes 70/80/90/100, Área Especial 1, térreo, Brasília/DF
      Dia 3 17/08, quinta 14h-18h Gerenciamento de Crise e; Missões

      Sala de aula CORSEG/COTRAN e G3. SGO Quadra 2, Lotes 70/80/90/100, Área Especial 1, térreo, Brasília/DF

      Dia 4 18/08, sexta 8h-12h Policiamento de audiências

      Fórum de Brasília, bloco A, 5º andar, ala C, sala 501 (sala de aula 3)

      Dia 5 19/08, sábado 8h-12h e 13h-17h Disparo de arma

      Fórum de Brasília, bloco A, 5º andar, ala C, sala 501 (sala de aula 3)

         

      Requisitos para Participação

      Em cada aula os participantes precisam apresentar-se com o uniforme operacional completo. Não esqueça de:

      • algema
      • calça tática
      • camisa polo da Polícia Judicial
      • cinto tático
      • coldre para arma .40
      • colete
      • coturno
      • lanterna
      • porta algemas
      • porta carregador

      Não é necessário porte de arma para participar deste curso.

          

      Docentes

      ALAN DA COSTA OLIVEIRA
      Ex Policial Penal Federal (2009), formado pela Academia Nacional de Polícia. Policial Judicial desde 2012. Autor do livro "Direito Penal- Quebrando a Banca". Alan da Costa Oliveira atua no Núcleo de Policiamento do Fórum Júlio Fabbrini Mirabete. Bacharel em direito. Instrutor de armamento e tiro, formado pela Escola Superior de Polícia Civil do DF(ESPC/DF). Já atuou como instrutor da Escola de Formação Judiciaria do TST, ministrando a disciplina "Segurança de Diginatários". Formado no 1° Curso de Segurança de Dignitários e Proteção à Pessoa - DEPATE/PCDF, Curso de intervenção/Operador de calibre 12 (DPOE/2009).

      ALEXANDRE GARCIA BONTEMPO
      Agente de Polícia Judicial do TJDFT desde 2001, com cursos de “Formação de Formadores” pelo TJDFT e “Docência em Segurança Pública” pela SENASP, já ministrou cursos de “Rádio Comunicação”, “Operador de SPARK Z 2.0”, “Segurança Institucional” e “Práticas de Segurança Organizacional” para os Agentes do TJDFT. Dentre os cursos e treinamentos que participou destacam-se “Operações Especiais” pela SORD Training Brazil, “Policiamento Ostensivo Judiciário” pela PMDF, “Análise, Observação e Detecção de Comportamentos Suspeitos” pela Academia Nacional de Polícia DPF, “Uso Diferenciado da Força” e “Instrumentos de Menor Potencial Ofensivo” pela SENASP, “Gerenciamento de Crises” pela SSP-DF, “Gerenciamento de Crises” pelo TJDFT, “Gestão de Riscos no Setor Público” pela ENAP e “Gestão de Riscos (Segurança)” pelo TJDFT. 

      ANDERSON FERREIRA DA SILVA
      Agente de Polícia Judicial no TJDFT desde 1996, Graduado em Direito em 2011, Pós Graduado em Direito e Jurisdição pela Escola da Magistratura do DF em 2012, gestor nas áreas de Segurança Orgânica e Transporte à 25 anos, instrutor credenciado pela Escola de Formação Judicial Luiz Vicente Cernicchiaro e também pela Academia Nacional de Polícia Judicial do CNJ, tendo participado recentemente de cursos como : Segunda turma do Curso de Formação de Policiais Judiciais promovido pelo CNJ, Curso de Formação de Formadores, Administração Judiciária, I Curso de Gestão em Segurança Institucional promovido pelo MPDFT, Rádio Comunicação, Operações de Inteligência com Ênfase na atividade de Segurança Judiciária, Gestão de riscos e Técnicas e Tecnologias não letais de atuação Policial.

      CARLOS EDUARDO INÁCIO DA SILVA
      Graduado em Geografia, pós graduado em segurança corporativa estratégica e pós graduando em atendimento pré-hospitalar. Servidor do TJDFT, desde de 2020, lotado no núcleo de policiamento(NUPOL) atuando nas audiências do Tribunal do júri na sede. Oriundo do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro, de 2008 até 2020, atuando no grupamento marítimo,na função de Guarda Vidas, onde concluiu o curso de salvamento no Mar.

      DANIEL CARVALHO RODRIGUES ALVES
      Bacharel em Geografia (UnB), pós graduado em Balística Forense e de Combate, pós graduado em políticas e gestão em segurança pública. Instrutor de armamento e tiro credenciado pela Polícia Federal. Instrutor de defesa pessoal (faixa preta de jiu-jítsu).

      DAMIÃO RODRIGUES LIMA ARAUJO
      Servidor do TJDFT – Especialidade Agente de Polícia Judicial. Faixa Preta 5º DAN em Karatê pela Federação de Karatê do Distrito Federal e entorno. Instrutor do Instituto de formação em curso da área de segurança. Habilitado em técnicas de combate a curta distância, retenção e contra retenção de armas pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios. Professor de Artes Marciais com vasta experiência. Instrutor de Karatê (Shotokan) deste 1986.

      EMERSON ALVES DE GUSMÃO
      Professor de jiu-jitsu desde 2007. Policial penal de 2007 a 2011. Campeão mundial de jiu-jitsu em2014 e 2018. (Faixa preta), entre outros. Curso de instrutor pela Academia Ribeiro. Curso de intervenção carcerária. Curso combate com arma. Curso abordagem.

      EMERSON SILVA GOMES
      Policial Judicial do TJDFT desde 2010, Graduado em Gestão de Segurança Pública, Pós graduado em Políticas e Gestão em Segurança Pública, Instrutor Certificado pela TASER Training Academy, Instrutor Credenciado DPF em Equipamentos não Letais e Uso Diferenciado da Força, Instrutor de Segurança e Proteção de Autoridades Instrutor de Armamento e Tiro credenciado pela PF, Faixa Preta de Karate-Do (Shotokan).

      GABRIEL DIAS DANTAS
      Policial Judicial (Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios) Graduado em Gestão de T.I (Universidade Católica de Brasília) Graduando em Direito (FBr) e Especialista em Exercício e Saúde em Populações Especiais (Universidade de Coimbra- Portugal); Praticante de artes marciais há 30 anos (Caratê, Kung Fu Wushu, Jiu-Jitsu). Instrutor de Armamento e Tiro credenciado pela Polícia Federal, Instrutor de Armamento e Tiro certificado pelo Centro de Treinamento Tático da CBC, certificado em manejo de armas de fogo, operador de CAR System, proteção de autoridades, direção defensiva e evasiva, defesa pessoal, primeiros socorros, APH e combate a incêndios, imobilizações táticas, dentre outros. Instrutor de Tiro, Defesa Pessoal, Bastão Retrátil, Uso Seletivo da Força e armamento não letal TASER.

      JEFERSON DE OLIVEIRA DANTAS
      Agente de Polícia Judicial do TJDFT. Supervisor Substituto NUPOL. Bacharel em Direito pela Faculdade UPIS. Pós-graduado em Direito e Jurisdição pelo IESB. Participante: I Curso de Gestão em Segurança Institucional (I CGSI) - MPDFT. Curso a Distância Crimes, Golpes e Fraudes no Mundo Cibernético - TJDFT. Curso de Isolamento de Local de Crime e Preservação de Vestígios e Cadeia de Custódia – TJDFT. Curso de Aperfeiçoamento em Violência e Mediação de Conflitos, Instituto Brasileiro de Educação - IBEDF. Curso em Análise Criminal I – Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública - SINESP. Curso Armas de Fogo e Munições - Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública – SINESP.

      MARCUS VINICIUS DE OLIVEIRA BUONAFINA
      Servidor do TJDFT desde 1991, Marcus Buonafina coordena o Núcleo de Policiamento do Fórum Júlio Fabbrini Mirabete, é instrutor de armamento e tiro, instrutor da Escola de Formação Judiciaria, formado na Academia Nacional de Polícia – ANP/PF, no 1º Curso de Formação da Polícia Judicial, no 1º Curso de  Segurança de Dignitários e Proteção à Pessoa - DEPATE/PCDF, instrutor no XII estágio de Segurança e  proteção de autoridades (ESPA), Polícia de Exército, formado em Direito e Ciências Contábeis, Pós-graduado em Gestão de Segurança Pública e Ciências Criminais (curso de Delegado de Polícia), formado  em atendimento pré-hospitalar de combate MARC 1.

      NELSON CALVET RABELO
      Agente da Polícia Judicial do TJDFT; Analista de Inteligência do Núcleo de Inteligência do TJDFT – NUINT; Bacharel em Direito pelo Centro Universitário de Brasília - CEUB/DF; Pós-graduado em Inteligência Policial pela Faculdade UNYLEYA/RJ; Pós-graduado em Direito Penal e Direito Processual Penal pela Faculdade UNYLEYA/RJ; Professor de Análise de Riscos e de Produção de Conhecimento para Assessoramento do Processo Decisório no Poder Judiciário; Palestrante e instrutor de temas correlatos à atividade de Inteligência, Segurança Institucional e Pessoal. Professor, Faixa Preta, 4º Grau, de Jiu-jitsu.

        

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

        

      Avaliação de Aprendizagem

      A avaliação de Aprendizagem será realizada por meio de atividades avaliativas ao longo do curso, com pontuação cumulativa,  somando-se 100 pontos.
      Distribuição dos pontos para composição da nota final: 
      • Dia 1 - até 20 pontos
        - Retenção e contrarretenção de arma de fogo - até 10 pontos;
        - APHT-C em resposta a eventos de agressor ativo - até 10 pontos;
      • Dia 2 - até 20 pontos
        - Policiamento externo, abordagem a pé e abordagem motorizada - até 20 pontos;
      • Dia 3 - até 20 pontos
        - Introdução ao gerenciamento de crise  - até 10 pontos;
        - Planejamento e execução de missões - até 10 pontos;
      • Dia 4 - até 20 pontos
        - Policiamento de audiências e instalacões - até 20 pontos;
      • Dia 5 - até 20 pontos
        - Disparo de arma de fogo em ambiente confinado - até 20 pontos;
          
            

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da solução educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

         

      Certificação

      • Os certificados serão emitidos aos participantes que alcançarem:
        • o aproveitamento mínimo de 50% da pontuação das atividades avaliativas, e;
        • frequência mínima de 75% nas aulas síncronas e/ou presenciais.
      • Os certificados de conclusão desta ação educacional emitidos pela Escola de Formação Judiciária serão inseridos na pasta funcional do servidor e considerados para a Gratificação de Atividade de Segurança (GAS) não sendo permitida a averbação do documento na Secretaria de Recursos Humanos;
      • Os certificados para o público externo serão disponibilizados por email.

         

      Inscrições 

      1º de junho a 4 de agosto de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

        

      Portaria GPR 299 de 25 de março de 2010 - Dispõe sobre o Programa de Reciclagem Anual no âmbito do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

      Portaria Conjunta 92 de 25 de agosto de 2020 - Dispõe sobre o Programa Permanente de Capacitação do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

      Curso Reciclagem Policial Multidisciplinar - Turma V

      Aulas presenciais: 21, 22, 24, 25 e 26 de agosto de 2023. Inscrições: 1º de junho a 11 de agosto de 2023. Público-alvo. Policiais judiciais do TJDFT. Vagas remanescentes poderão ser ocupadas por policiais judiciais do TRE/DF.
      última modificação: 2024-05-18T08:05:48-03:00

      Informações Gerais

      Aulas presenciais: 21, 22, 24, 25 e 26 de agosto de 2023.

      Público-alvo. Policiais judiciais do TJDFT. Vagas remanescentes poderão ser ocupadas por policiais judiciais do TRE/DF.

      Vagas: 20

      Carga horária: 30 horas-aula

        

      Atenção!
      - Esta ação educacional faz parte do Programa de Reciclagem Anual - PRA 2023, é exclusiva para Policiais Judiciais e será considerada para GAS. 
      - Em casos fortuitos, a Escola de Formação Judiciária se reserva o direito de alterar a(s) data(s), local(is) e horário(s) de realização do evento.

        

      Modalidade

      Presencial.

      O curso será realizados nos dias, horários e locais indicados no quadro abaixo.

      O deslocamento será a cargo de cada participante, não haverá transporte institucional para os locais de realização do curso.

         

      DIA DATA HORÁRIO TEMA LOCAL
      Dia 1 21/08, segunda 13h-19h

      APHT-C e; Retenção de arma

      Centro de Treinamento NUPOL - Fórum de Brasília, 2º subsolo do bloco B, entre as alas B/C 

      Dia 2 22/08, terça 10h-12h e 13h-19h Policiamento externo Sala de aula CORSEG/COTRAN e G3. SGO Quadra 2, Lotes 70/80/90/100, Área Especial 1, térreo, Brasília/DF
      Dia 3 24/08, quinta 14h-18h Gerenciamento de Crise e; Missões

      Sala de aula CORSEG/COTRAN e G3. SGO Quadra 2, Lotes 70/80/90/100, Área Especial 1, térreo, Brasília/DF

      Dia 4 25/08, sexta 8h-12h Policiamento de audiências

      Fórum de Brasília, bloco A, 5º andar, ala C, sala 501 (sala de aula 3)

      Dia 5 26/08, sábado 8h-12h e 13h-17h Disparo de arma

      Fórum de Brasília, bloco A, 5º andar, ala C, sala 501 (sala de aula 3)

         

      Requisitos para Participação

      Em cada aula os participantes precisam apresentar-se com o uniforme operacional completo. Não esqueça de:

      • algema
      • calça tática
      • camisa polo da Polícia Judicial
      • cinto tático
      • coldre para arma .40
      • colete
      • coturno
      • lanterna
      • porta algemas
      • porta carregador

      Não é necessário porte de arma para participar deste curso.

          

      Docentes

      ALEXANDRE GARCIA BONTEMPO
      Agente de Polícia Judicial do TJDFT desde 2001, com cursos de “Formação de Formadores” pelo TJDFT e “Docência em Segurança Pública” pela SENASP, já ministrou cursos de “Rádio Comunicação”, “Operador de SPARK Z 2.0”, “Segurança Institucional” e “Práticas de Segurança Organizacional” para os Agentes do TJDFT. Dentre os cursos e treinamentos que participou destacam-se “Operações Especiais” pela SORD Training Brazil, “Policiamento Ostensivo Judiciário” pela PMDF, “Análise, Observação e Detecção de Comportamentos Suspeitos” pela Academia Nacional de Polícia DPF, “Uso Diferenciado da Força” e “Instrumentos de Menor Potencial Ofensivo” pela SENASP, “Gerenciamento de Crises” pela SSP-DF, “Gerenciamento de Crises” pelo TJDFT, “Gestão de Riscos no Setor Público” pela ENAP e “Gestão de Riscos (Segurança)” pelo TJDFT. 

      ANDRÉ RICARDO REIS XAVIER
      Graduado em Gestão de TI e Educação Física-UNB e Pós-graduado em Direito do Estado. Integra o corpo de Agentes de Polícia Judicial do TJDFT. Formado na 1 Turma do Curso de Formação de Polícia Judicial (1CFPJ) da Academia Nacional de Polícia Federal. Possui habilitação de Instrutor de Armamento e Tiro-IAT Credenciado pela PF. Atleta competidor do Tiro Esportivo com diversas premiações nacionais pela CBTE (Confederação Brasileira de Tiro Esportivo).  Atuou como docente da disciplina Segurança Institucional em 2017 e Habilitação em Armamento e Tiro em 2021 e 2022 e 2023. Possui capacitação em vários cursos como de armas longas CT.30, Segurança de Autoridades e sobrevivência Policial – TESP, e outros relacionados à temática de Armamento e Tiro. 

      ARISTÓTELES MIRANDA DE CARVALHO
      Policial Judicial TJDFT desde 2001; de 2003 a 2005 participou de diversas escoltas realizadas no Tribunal de Juízes e Desembargadores ameaçados; desde 2006 até os dias atuais membro da escolta da Presidência; Graduado em Educação Física pela Universidade de Brasília-UnB; Graduado em Direito pelo faculdade IESB de Brasília; Pós-graduação em Direito, Ex-militar das Forças Armadas; Faixa Preta 4 grau de jiu-jítsu, Instrutor de Boxe, MMA e Karatê de Contato; também Instrutor de defesa pessoal e imobilização tática da Escola de Formação Judiciária do TJ; Estágio Operacional de Segurança de Autoridades pela Polícia Civil-DOE; Curso de Gerenciamento de Crises BOPE; Uso Seletivo da Força, Primeiros Socorros, Combate Corpo-a-corpo no BOPE; Campeão Mundial e Vice-Campeão Mundial de jiu-jítsu, Campeão Centro-Oeste de jiu-jítsu e de boxe, Tricampeão Brasiliense de jiu-jítsu e de boxe.

      DANIEL CARVALHO RODRIGUES ALVES
      Bacharel em Geografia (UnB), pós graduado em Balística Forense e de Combate, pós graduado em políticas e gestão em segurança pública. Instrutor de armamento e tiro credenciado pela Polícia Federal. Instrutor de defesa pessoal (faixa preta de jiu-jítsu).

      ELEONARDO LOPES PINTO DE LIMA
      Agente da Polícia Judicial desde 2017. foi Supervisor do antigo Núcleo de Policiamento Interno NUPOI, hoje NUPOL. Graduado em Tecnologia em Gestão Financeira pela Faculdade Anhanguera-DF, Pós-graduado em Políticas e Gestão em Segurança Pública pela Faculdade de Ciências Wenceslau Braz-PR. Participou do Estágio Operacional de Proteção de Autoridades no DOE-PCDF em 2018. Formado na primeira Turma do Curso de Formação de Polícia Judicial (1CFPJ) da Academia Nacional de Polícia Federal 2021. Possui capacitação em Gerenciamento de Crise, APH Tático, Técnicas Não Letais, Combate Policial, Guarda e Proteção de instalações pelo 1º RCGd - Dragões da Independência, onde atuou junto ao GSI nos Palácios Presidenciais de 2000 a 2005, 3º Sargento da Reserva do Exército, tem curso de Operador de Arma curta e Longa pelos Dragões da Independência, Habilitação em Espingarda 12GA pelo Batalhão da Guarda Presidencial – BGP. Atualmente lotado no Núcleo de Segurança Orgânica de Ceilândia. 

      EMERSON SILVA GOMES
      Policial Judicial do TJDFT desde 2010, Graduado em Gestão de Segurança Pública, Pós graduado em Políticas e Gestão em Segurança Pública, Instrutor Certificado pela TASER Training Academy, Instrutor Credenciado DPF em Equipamentos não Letais e Uso Diferenciado da Força, Instrutor de Segurança e Proteção de Autoridades Instrutor de Armamento e Tiro credenciado pela PF, Faixa Preta de Karate-Do (Shotokan).

      JEFERSON DE OLIVEIRA DANTAS
      Agente de Polícia Judicial do TJDFT. Supervisor Substituto NUPOL. Bacharel em Direito pela Faculdade UPIS. Pós-graduado em Direito e Jurisdição pelo IESB. Participante: I Curso de Gestão em Segurança Institucional (I CGSI) - MPDFT. Curso a Distância Crimes, Golpes e Fraudes no Mundo Cibernético - TJDFT. Curso de Isolamento de Local de Crime e Preservação de Vestígios e Cadeia de Custódia – TJDFT. Curso de Aperfeiçoamento em Violência e Mediação de Conflitos, Instituto Brasileiro de Educação - IBEDF. Curso em Análise Criminal I – Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública - SINESP. Curso Armas de Fogo e Munições - Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública – SINESP.

      MARCUS VINICIUS DE OLIVEIRA BUONAFINA
      Servidor do TJDFT desde 1991, Marcus Buonafina coordena o Núcleo de Policiamento do Fórum Júlio Fabbrini Mirabete, é instrutor de armamento e tiro, instrutor da Escola de Formação Judiciaria, formado na Academia Nacional de Polícia – ANP/PF, no 1º Curso de Formação da Polícia Judicial, no 1º Curso de  Segurança de Dignitários e Proteção à Pessoa - DEPATE/PCDF, instrutor no XII estágio de Segurança e  proteção de autoridades (ESPA), Polícia de Exército, formado em Direito e Ciências Contábeis, Pós-graduado em Gestão de Segurança Pública e Ciências Criminais (curso de Delegado de Polícia), formado  em atendimento pré-hospitalar de combate MARC 1.

      NAOR GORGA LUNA
      Formação acadêmica: Educação Física na UnB, pós-graduação em treinamento de força naUnB. Faixa-preta de Judô  ex-atleta da modalidade com participações em campeonatos nacionais e internacionais, inclusive representando a seleção brasileira. Curso de especialização em Budo no Japão. Servidor público do TJDFT desde 2008 na especialidade policial judicial. 
      Desde 2010 lotado na escolta do Presidente do TJDFT. Instrutor da Polícia Judicial em diversos cursos como defesa pessoal, retenção e contra retenção de armamento, imobilizaçoes táticas e direção ofensiva e evasiva.

      NELSON CALVET RABELO
      Agente da Polícia Judicial do TJDFT; Analista de Inteligência do Núcleo de Inteligência do TJDFT – NUINT; Bacharel em Direito pelo Centro Universitário de Brasília - CEUB/DF; Pós-graduado em Inteligência Policial pela Faculdade UNYLEYA/RJ; Pós-graduado em Direito Penal e Direito Processual Penal pela Faculdade UNYLEYA/RJ; Professor de Análise de Riscos e de Produção de Conhecimento para Assessoramento do Processo Decisório no Poder Judiciário; Palestrante e instrutor de temas correlatos à atividade de Inteligência, Segurança Institucional e Pessoal. Professor, Faixa Preta, 4º Grau, de Jiu-jitsu.

      RAMON DE SOUZA ASENSI
      Servidor do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios desde agosto de 2001, médico veterinário formado pela Universidade de Brasília - UnB em 2003, pós-graduado em Gestão de Segurança Pública pela Faculdade de Tecnologia Darwin em 2008, operador Taser M26 e X26 pela Taser Brasil em 2010, Instrutor Master Taser M26, X26, X26P e X2 formado pela Taser Internacional em Columbus-OH (EUA) em 2014, Instrutor Multiplicador de Dispositivo Elétrico Incapacitante Spark em 2017; lotado no NUPOL.

       

      Plano Instrucional

      Conteúdos, Objetivos, Metodologia e Avaliação de Aprendizagem

        

      Avaliação de Aprendizagem

      A avaliação de Aprendizagem será realizada por meio de atividades avaliativas ao longo do curso, com pontuação cumulativa,  somando-se 100 pontos.
      Distribuição dos pontos para composição da nota final: 
      • Dia 1 - até 20 pontos
        - Retenção e contrarretenção de arma de fogo - até 10 pontos;
        - APHT-C em resposta a eventos de agressor ativo - até 10 pontos;
      • Dia 2 - até 20 pontos
        - Policiamento externo, abordagem a pé e abordagem motorizada - até 20 pontos;
      • Dia 3 - até 20 pontos
        - Introdução ao gerenciamento de crise  - até 10 pontos;
        - Planejamento e execução de missões - até 10 pontos;
      • Dia 4 - até 20 pontos
        - Policiamento de audiências e instalacões - até 20 pontos;
      • Dia 5 - até 20 pontos
        - Disparo de arma de fogo em ambiente confinado - até 20 pontos;
          
            

      Avaliação de Reação

      A avaliação de reação da ação educacional  deverá ser realizada pelo Sistema de Avaliação Online, disponível na página inicial da Escola de Formação Judiciária ou clicando aqui. A avaliação estará acessível na data de término da solução educacional, com o prazo de 5 (cinco) dias úteis para resposta. Os alunos receberão por e-mail a síntese dos resultados da avaliação de reação posteriormente.

         

      Certificação

      • Os certificados serão emitidos aos participantes que alcançarem:
        • o aproveitamento mínimo de 50% da pontuação das atividades avaliativas, e;
        • frequência mínima de 75% nas aulas síncronas e/ou presenciais.
      • Os certificados de conclusão desta ação educacional emitidos pela Escola de Formação Judiciária serão inseridos na pasta funcional do servidor e considerados para a Gratificação de Atividade de Segurança (GAS) não sendo permitida a averbação do documento na Secretaria de Recursos Humanos;
      • Os certificados para o público externo serão disponibilizados por email.

         

      Inscrições 

      1º de junho a 11 de agosto de 2023.

      Como realizar sua pré-inscrição

      Solicitação de Pré-Inscrição

      Relação de Inscritos, Relação de Cancelamentos e Lista de Espera

      Portaria GPR 299 de 25 de março de 2010 - Dispõe sobre o Programa de Reciclagem Anual no âmbito do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.

      Portaria Conjunta 92 de 25 de agosto de 2020 - Dispõe sobre o Programa Permanente de Capacitação do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios.