Planejamento Institucional

última modificação: 2021-01-29T15:22:12-03:00

No TJDFT, a Secretaria de Planejamento e Gestão Estratégica – SEPG é a unidade responsável por coordenar os processos de elaborar e atualizar o Plano Estratégico do Tribunal, bem como acompanhar sua execução. Ademais, incumbe à área de planejamento prestar consultoria interna para o desdobramento da estratégia institucional ao nível setorial; disseminar a cultura do planejamento e auxiliar na elaboração de outros instrumentos de planejamento, como o Plano de Administração do Biênio – PLABI; e produzir relatórios de resultados do TJDFT.

Planejamento Estratégico

Desde 2006, o TJDFT utiliza o Planejamento Estratégico para se modernizar, aperfeiçoar os processos organizacionais e orientar as ações institucionais a fim de maximizar o seu desempenho e melhor atender às demandas da sociedade.


Plano Estratégico 2015-2020


O Plano Estratégico 2015 – 2020 (PE 2015-2020), aprovado pela Resolução 3, de 23 de abril de 2015, foi construído, democraticamente, com a contribuição de magistrados e servidores da Casa, das entidades de classe, advogados e cidadãos do Distrito Federal.

O plano é alinhado às políticas voltadas para a concretização da Estratégia Nacional do Poder Judiciário para o período de 2015 a 2020 – Estratégia Judiciário 2020, instituída pela Resolução CNJ 198, de 1º de junho de 2014.

Atualmente, o monitoramento do PE 2015-2020 é feito pelo Comitê de Governança e Gestão Estratégica do TJDFT – CGGE, instituído pela Portaria Conjunta 35, de 07 de março de 2019, que se reúne quadrimestralmente nas Reuniões de Análise da Estratégia – RAEs. 

A medição do desempenho dos objetivos estratégicos é realizada pela aferição periódica dos indicadores estratégicos e é consolidada no Painel de Bordo. As informações geradas são então utilizadas como suporte para as decisões da Alta Administração, representada pelo CGGE.

Saiba mais sobre o PE 2015-2020

Planos institucionais