2º dia da Semana Nacional de Conciliação fecha com 82% de acordos no TJDFT

por Nupemec — publicado 2013-12-04T08:00:00-03:00

ConciliaçãoO 2º dia da VIII Semana Nacional de Conciliação no TJDFT foi bem proveitoso: 173 pessoas foram atendidas, o valor negociado foi de R$ 349.662,35 e o percentual de acordos atingiu 82% nos processos envolvendo o BRB e a Credi-DF. Neste ano, o TJDFT participa com 340 processos do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania de Brasília – CEJUSC-BSB e dos Juizados Especiais Cíveis – CEJUSC-JEC/BSB.

1º dia
O primeiro dia do evento, 2/12, terminou com um percentual de 37,5% de acordos nos processos envolvendo o BRB, a Coopercred e os seus clientes. Foram atendidas 238 pessoas e cerca de R$ 262 mil foram negociados.

As audiências acontecem, a partir das 12h40, no Núcleo Permanente de Mediação e Conciliação – NUPEMEC, no 10º andar do Bloco “A” e nos Juizados Especiais Cíveis do Fórum José Júlio Leal Fagundes. A VIII Semana Nacional de Conciliação integra o Movimento Nacional de Conciliação, promovido pelo Conselho Nacional de Justiça - CNJ, e é realizada, simultaneamente, em todos os tribunais do país.

“Eu conciliei”

Nesta terça-feira, 3/12, vários acordos foram realizados, proporcionando novas perspectivas a pessoas que há tempos queriam quitar suas dívidas. Um bom exemplo é o caso da servidora da Secretaria de Educação do DF, Lurdes Antônia Alves da Costa Torres, que contraiu um empréstimo junto à Credi-DF em 2011 e, por conta de percalços financeiros, não conseguiu honrar a dívida e passou a ser cobrada judicialmente em 2013. “Consegui chegar a um acordo por meio de um diálogo franco e aberto, onde foi possível ouvir e ser ouvida. Minha situação financeira hoje me permite honrar este acordo”, declarou.

Ela assegurou ainda que, no início da sessão, por desconhecer o processo da conciliação, ficou receosa do que estava por vir. “Fiquei com um pouco de receio, tinha medo, mas vi que é possível negociar na Justiça. Gostei tanto que vou divulgar o trabalho”, sinalizou.

O advogado que atuou em sua defesa, Dr. Weslley Versiani, também saiu satisfeito com a conciliação. “Essa iniciativa é de grande valia, pois possibilita às partes que já estão com o convívio desgastado reaproximarem-se. Na audiência, houve uma troca de propostas e ninguém ficou fechado na sua ideia. Todos queriam o acordo”, afirmou. Ele também enalteceu o papel do conciliador, destacando que o profissional conseguiu traduzir muito bem o procedimento da conciliação, que levou ao exitoso acordo.

Por fim, o advogado da Credi-DF, Rafael Alencastro, também se mostrou satisfeito com o desfecho do caso. “É muito importante essa iniciativa da Semana Nacional de Conciliação. Indicamos quase 300 processos para esse evento e espero um alto índice de acordos. Já viemos preparados para resolver o caso da Dona Lurdes. Fico feliz por ela ter aceitado a nossa proposta, pois ficou bom para ambas as partes”, concluiu.

Atualmente o TJDFT realiza semanas de conciliação durante todo o ano por meio do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania de Brasília – CEJUSC/BSB e do CEJUSC/JEC-BSB, ambos vinculados à 2ª Vice-Presidência, comandada pelo desembargador Romeu Gonzaga Neiva.

Abertura oficial e lançamento de página

A abertura oficial da VIII Semana Nacional da Conciliação foi realizada no início da sessão plenária do CNJ, nessa segunda-feira, 2/12, às 9h, pelo presidente do Conselho Nacional de Justiça e do Supremo Tribunal Federal - STF, ministro Joaquim Barbosa. O encerramento da Semana Nacional de Conciliação ocorrerá no TJDFT, no dia 6/12, às 15h, com a presença do Conselheiro do CNJ, Emmanoel Campelo.

Também nessa segunda-feira, 2/12, foi lançada a página da 2ª Vice-Presidência, totalmente reestruturada com links para o Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos - NUPECON e o Núcleo Permanente de Mediação e Conciliação – NUPEMEC. Em uma iniciativa inédita, o TJDFT irá divulgar on line a pesquisa de satisfação do usuário realizada durante as conciliações.

Pesquisa de satisfação

Em uma iniciativa inédita, o TJDFT divulga o resultado diário da pesquisa de satisfação das conciliações realizadas no dia anterior. Para isso, o Núcleo Permanente de Mediação e Conciliação – NUPEMEC desenvolveu a Pesquisa de Satisfação dos Usuários (PSU) com o objetivo de monitorar e avaliar a qualidade das sessões de conciliação e mediação. No primeiro dia do evento, 2/12, 32,6% participantes do processo de conciliação declararam-se muito satisfeitos e 56,8% se sentiram satisfeitos. Clique aqui e saiba mais sobre a Pesquisa.