Comitê de Saúde realiza primeira reunião do ano

por VS — publicado 2013-02-06T17:55:00-03:00

Comite saude 1ª reuniãoO Comitê Distrital de Saúde se reuniu nesta quarta-feira, dia 6/2, para debater os problemas da saúde do Distrito Federal. Composto por representantes da Defensoria Pública, do MPDFT e da Secretaria de Saúde – SES, o Comitê é coordenado pelo Juiz do TJDFT Donizeti Aparecido da Silva. A objetivo do Comitê é buscar alternativas, por meio de soluções e monitoramento permanente, para as demandas da saúde no DF, que acabam sendo judicializadas.

O Secretário Adjunto de Saúde, Elias Miziara, anunciou o lançamento no dia 8 de março, Dia da Mulher, de um programa de vacinação contra o HPV, projeto pioneiro no qual serão vacinadas jovens de 11 a 13 anos das escolas públicas. O Secretário também comunicou que a SES iniciará a contratação temporária, emergencial, de médicos, principalmente para a área neonatal. Ele informou que a última convocação de concursados foi em dezembro de 2012, quando foram convocados 29 aprovados, mas somente 13 tomaram posse. 

Durante o encontro que durou toda a tarde, diversos assuntos importantes foram discutidos e repassados aos membros do Comitê. O Secretário infomou que mais de 5 mil pessoas foram beneficiadas com um mutirão  de cirurgias ortopédicas que vem sendo realizado nessa especialidade. Questionado pelo MPDFT, falou sobre as cirurgias oncológicas e esclareceu que existe em média 350 pacientes aguardando essa cirurgia, mas que na segunda quinzena de março haverá expansão do centro cirúrgico do Hospital de Base. Destacou, ainda, que o hospital que mais faz cirurgia de câncer de mama hoje é o da Ceilândia. 

Quanto às ressonâncias magnéticas, o Elias Miziara destacou o crescimento no atendimento. De acordo com ele, em 2012 foram realizados 1.117 exames e somente em janeiro deste ano já foram realizados 906 exames pelas empresas privadas contratadas, enquanto os novos equipamentos estão sendo adquiridos. A Defensoria Pública ressaltou que notou a diminuição da demanda por esse tipo de exame. 

O Secretário comunicou também que a SES está assinando acordo com o HCOR visando à colocação de eletrocardiogramas para diagnóstico e segunda opinião para detecção de doenças cardíacas por intermédio da telemedicina. Serão adquiridos mais de 90 equipamentos, comunicou. 

A reunião do Comitê contou, ainda, com a participação de um representante do Tribunal de Contas do Distrito Federal, que foi convidado a esclarecer alguns procedimentos, como a questão das dispensas e inexigilibidade de licitação, que devem ser bem justificadas para evitar atraso nos processos licitatórios e de contratação da SES.