Presidente do TJDFT recebe lista sêxtupla da OAB-DF para cargo de desembargador

por ACS — publicado 2014-10-13T19:55:00-03:00

Lista sêxtupla da OABNa tarde desta segunda-feira, 13/10, o Presidente do TJDFT, desembargador Getúlio de Moraes Oliveira, recebeu das mãos do presidente da OAB-DF, Ibaneis Rocha, a lista sêxtupla com os candidatos à vaga de desembargador do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT). Agora, o Presidente do TJDFT designará Sessão do Pleno para que os desembargadores votem para formação de lista tríplice, a ser enviada à Presidência da República, que nomeará o novo desembargador do TJDFT.

Foi a primeira vez que a OAB-DF abriu o processo de votação a partir da consulta pública promovida pela Seccional. A vaga para desembargador do TJDFT, oriunda do quinto constitucional da OAB, se deu em decorrência da aposentadoria compulsória, devido à idade, do desembargador Dácio Vieira. 

Os candidatos que compõem a lista sêxtupla são: José Gomes, formado pelo Centro de Ensino Unificado de Brasília (UNICEUB) em 1993, com pós-graduação em Metodologia do Ensino Jurídico pelo UNICEUB e Direito Processual Civil pelo Instituto Brasileiro de Direito Processual. É natural de Januária (MG) e tem 55 anos. Josaphá Francisco dos Santos, formado pelo Centro de Ensino Unificado de Brasília (UNICEUB) em 1994, pós-graduado em Processo Civil pelo UNICEUB, onde é mestrando em Políticas Públicas. É natural de Ilhéus e tem 51 anos. Roberta Zanatta, formada pela Faculdade de Direito da Universidade Federal do Paraná em 1995, com pós-graduação em Direito Público pela UNIRIO (convênio com o Instituto Brasiliense de Direito Público – IDP). É natural de São Paulo e tem 46 anos. Eliene Bastos, formada pelo Centro de Ensino Unificado de Brasília (UNICEUB) em 1994, com mestrado em Direito Civil e Comparado no Programa de Estudos de Pós-Graduação em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP). É natural de Goiânia e tem 45 anos. Daniel Rossiter, formado pelo Centro Universitário de Ciências Jurídicas (CCJUR), com pós-graduação em Direito Tributário e Finanças Públicas pelo Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP). É natural de Maceió e tem 42 anos. Sérgio Roncador, formado pelo Centro de Ensino Unificado de Brasília (UNICEUB) em 1993, mestrando pela Universidade Católica de Brasília (UCB), com pós-graduação em Direito Público (convênio UNB/OAB-DF) e Direito Tributário (UNB). É natural de Brasília e tem 46 anos.