Memorial do TJDFT recebe exposição de fotografias indígenas a partir desta segunda-feira

por ACS — publicado 2015-08-14T10:30:00-03:00

Exposição KrahôA partir desta segunda-feira, 17/8, o Memorial TJDFT – Espaço Desembargadora Lila Pimenta Duarte recebe a exposição “KRAHÔ – Retratos da identidade Cultural Brasileira”, da fotógrafa Gisa Müller. As fotografias retratam o cotidiano dos índios Krahô, em território localizado no estado do Tocantins. A abertura da exposição, que fica no Memorial até o dia 28/8, será às 16h.

A ideia da exposição é mostrar expressões da cultura dos índios Krahô, como rituais de batismo, adornos e outras manifestações vivenciadas na rotina das aldeias. A exposição é feita com fotografias em preto e branco, como forma de alertar a população sobre a necessidade de se preservar os povos indígenas.

Gisa Müller é carioca, formada em Letras e seu trabalho com etnofotografia começou no continente asiático, onde viveu por mais de 12 anos. Ao voltar para o Brasil, criou interesse pelas culturas remanescentes, especialmente por quilombolas e culturas indígenas. A primeira exposição da fotógrafa ocorreu após uma viagem ao deserto do Rajastão, na Índia, onde retratou a realidade das ciganas que viviam sob o sol escaldante do deserto.

Memorial TJDFT - Espaço Desembargadora Lila Duarte foi inaugurado em 19 de abril de 2010, durante as comemorações do cinquentenário do Tribunal. O espaço abriga documentos, processos históricos, fotos e peças que remetem à trajetória do TJDFT desde a sua criação até os dias atuais. O Memorial é vinculado à 1ª Vice-Presidência, coordenada pela desembargadora Carmelita Brasil, e está localizado, no 10º andar do bloco A, ala A, do Fórum de Brasília. O Memorial funciona de segunda a sexta-feira das 12h às 19h e abre seu espaço para visitas espontâneas e monitoradas. Para tanto, basta entrar em contato pelo e-mail memoria@tjdft.jus.br ou pelos telefones (61) 3103-5894/5893/5863.