Acusado de matar em razão de dívida de compra e venda de gado é condenado em Ceilândia

por ASP — publicado 2016-10-07T16:55:00-03:00

O Tribunal do Júri de Ceilândia condenou, na última segunda-feira, 3 de outubro, a 12 anos de reclusão, Clébio Josimar da Silva, acusado de matar, com disparos de arma de fogo, Edilson, que se negava a pagar uma quantia em dinheiro, supostamente devida em razão de compra e venda de gado. O crime ocorreu no dia 12/9/2009, no Bar do Goiano, na cidade satélite de Ceilândia/DF.

Os jurados acataram integralmente a denúncia do Ministério Público e condenaram o réu por homicídio duplamente qualificado por motivo fútil e por ter dificultado a defesa da vítima.

O juiz determinou o cumprimento da pena inicialmente no regime fechado e concedeu ao réu o direito de recorrer da sentença em liberdade.

Clébio foi condenado como incurso nas penas do artigo 121, §2º, II e IV, do CP.

Processo: 2009.03.1.030410-7