Júri de acusados de 14 tentativas de homicídio na Papuda segue acontecendo em São Sebastião

por ASP — publicado 2018-11-21T17:30:00-03:00

Mês Nacional do Júri 2018O Tribunal do Júri de São Sebastião continua julgando os réus Claudiemerson Júnio Alves Mendes, José Maicon Pereira Muniz e Maxwell Barboza Martins da Silva. Os réus, que já cumprem pena no Complexo Penitenciário da Papuda, respondem, perante o júri popular, por 14 tentativas de homicídio, cometidas dentro da penitenciária, no dia 5 de fevereiro de 2018.

No dia dos fatos, os acusados, detentos na Papuda, em represália a outros dois internos, atearam fogo em um colchão e o jogaram dentro de uma cela, onde encontravam-se recolhidos 14 presos.

Claudiemerson, José Maicon e Maxwell respondem, agora, por 14 tentativas de homicídio triplamente qualificadas por motivo torpe, emprego de fogo e uso de recurso que dificultou a defesa das vítimas (art. 121, § 2º, I, III e IV, c/c art. 14, II, ambos do Código Penal, por catorze vezes).

Para o julgamento de hoje (21/11), foram intimadas 16 testemunhas, sendo dois agentes penitenciários e as 14 vítimas. Destas, seis foram dispensadas e 10 foram ouvidas em Plenário.

No final desta tarde, foi iniciado o interrogatório dos três acusados. Não há previsão de término do julgamento.

Processo: 2018.12.1.000442-8