Sessão especial do TJDFT homenageará o primeiro juiz de Brasília

por AB — publicado 2018-10-30T20:00:00-03:00

Centenario Lucio BatistaUma sessão comemorativa na próxima segunda-feira, 5/11, irá marcar o centenário do primeiro juiz de Brasília - o desembargador Lucio Batista Arantes. A sessão, aberta ao público, será realizada às 17h, na sala de sessões plenárias do TJDFT. A data marca também o aniversário de Ruy Barbosa, patrono da Justiça brasileira, que, se estivesse vivo, completaria 169 anos e empresta seu nome ao Palácio da Justiça do DF.

O também goiano, desembargador J. J. Costa Carvalho, foi o escolhido para saudar o homenageado e revelar um pouco da trajetória do magistrado que abdicou de conquistas pessoais para ajudar a construir a capital de todos os brasileiros, pacificando litígios e distribuindo justiça.

De juiz itinerante, percorrendo todos os rincões ainda não totalmente desbravados, a juiz casamenteiro - chegando a fazer 50 casamentos por dia; juiz eleitoral, responsável pelas primeiras eleições no DF; presidente do primeiro júri de Brasília e Presidente do TJDFT (biênio 1976-1978), o vocacionado juiz de Planaltina - circunscrição cujo Fórum hoje leva seu nome - fez de tudo um pouco, ou melhor, fez de tudo bastante.

Assim, a justa homenagem ao pioneiro da Justiça da nova capital visa resgatar a memória do Judiciário local e prestar importante contribuição à história de Brasília, tornando indelével a trajetória de um magistrado que voou alto, embalado, quem sabe, nas asas do Águia de Haia.

Confira na edição 48, do informativo Monumentum, um pouco mais sobre a história do primeiro juiz de Brasília.