Juiz do TJDFT é homenageado em sessão pelo Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher

por CS — publicado 2019-11-26T13:44:00-03:00

dia-internacional-nao-violencia-contra-a-mulher.jpgO juiz do TJDFT Ben-Hur Viza, titular do Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher do Núcleo Bandeirante e um dos coordenadores do Núcleo Judiciário da Mulher – NJM/TJDFT, recebeu, nessa segunda-feira, 25/11, das mãos do senador Izalci Lucas, certificado de honra ao mérito em reconhecimento pelos relevantes serviços prestados no combate à violência contra a mulher.

A homenagem ocorreu durante sessão especial do Senado Federal em alusão ao Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher, data que também foi tema de sessão solene da Câmara dos Deputados, da qual o magistrado participou a convite da deputada federal pelo Flávia Arruda. 

Durante a sessão especial, o juiz destacou o empenho do DF na formação de crianças e adolescentes, por meio do projeto Maria da Penha vai à Escola, bem como dos profissionais de educação para que eles possam fazer o encaminhamento adequado das reclamações das crianças. Na ocasião, o magistrado citou uma mensagem enviada por uma professora, na qual a docente dizia que, após a execução do projeto em sua instituição, quatro alunas criaram coragem de denunciar que sofriam abuso sexual. 

"Essa conscientização que nós precisamos levar para as crinaças se nós queremos ter um modelo de sociedade diferente", ressaltou. Por fim, o juiz agradeceu a homenagem, parabenizou a iniciativa dos parlamentares e destacou: "Desejo a cada dia que nosso país possa galgar um patamar com números mais louváveis, mais elogiáveis e respeitando e dignificando as mulheres que compõem nossa nação". 

Os dois eventos marcam, ainda, o início da 15ª Semana Justiça pela Paz em Casa, que segue até a próxima sexta-feira, 29/11, com uma série de palestras pelas escolas públicas do DF e mostra de curta-metragem. Durante a semana, haverá também esforço concentrado dos juizados de violência doméstica e familiar para realizar o maior número de audiências possíveis.

Semana Justiça pela Paz em Casa

FACE-XV-semana-da-paz-em-casa-geral.jpgAs ações da Semana da Paz em Casa fazem parte do calendário nacional de combate à violência contra a mulher e tem a participação de todos os tribunais de Justiça do país, na tentativa de esclarecer o público sobre a importância da pacificação social, começando pelo núcleo familiar.

Idealizada pela então Presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármen Lúcia, em março de 2017, por meio da Portaria 15/2017 do Conselho Nacional de Justiça – CNJ, a Semana Justiça pela Paz em Casa foi transformada oficialmente em Programa Nacional Justiça pela Paz em Casa. 

No âmbito do TJDFT, é realizada por meio do Núcleo Judiciário da Mulher – NJM, sob a coordenação da 2ª Vice-Presidência, com o objetivo de promover a conscientização contínua sobre o problema da violência de gênero, alcançando comunidade e instituições parceiras, bem como realizar esforço concentrado de audiências e sentenças nos 19 Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher espalhados pelo DF.

Foto: Daniel Coelho - NBastian/Divulgação TJDFT