Biblioteca do TJDFT retoma atendimento ao público em 2020

por ACS — publicado 2020-01-08T10:37:00-03:00

Biblioteca.jpgApós o fechamento durante o período do recesso forense, a Biblioteca Desembargador Antônio Mello Martins (Fórum de Brasília) retornou com as atividades normais nessa terça-feira, 7/1. O atendimento ao público de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h (público interno), e das 12h às 19h (público externo).

Localizada no 1º Subsolo do bloco A do Fórum de Brasília e com um acervo especializado em Direito, a biblioteca dispõe 54.817 livros e 371 títulos de periódicos (20 deles de acesso exclusivamente digital) que integram a Rede Virtual de Biblioteca – RVBI. Este acervo é disponibilizado para magistrados e servidores, bibliotecas cooperantes do sistema de empréstimo entre bibliotecas e, para o público externo, somente para consultas.

Além disso, a Biblioteca Digital é formada por artigos doutrinários das mais renomadas revistas jurídicas do país, livros digitais e pela produção intelectual dos magistrados com um acervo de 40.415 artigos jurídicos.  Em respeito à Lei de Direitos Autorais, grande parte do acervo digital é de acesso restrito aos Magistrados e servidores desta Corte. 

Acesse a página da Biblioteca e conheça todos os serviços oferecidos!

Projeto Cidadania e Leitura

Incentivo à leitura e promoção da cidadania marcaram as atividades da biblioteca em 2019. Estes foram os objetivos principais do projeto Cidadania e Leitura, criado pela Secretaria de Jurisprudência e Biblioteca - SEBI, Subsecretaria de Biblioteca - SUBIB e Secretaria de Gestão da Informação e Conhecimento - SGIC, todas vinculadas a 1ª Vice-Presidência, e executado em parceira com a 2ª Vice-Presidência.

O projeto nasceu para viabilizar o empréstimo das obras da Biblioteca e estimular o hábito da leitura entre os terceirizados que prestam serviços no TJDFT, inicialmente para aqueles que atuam no Fórum de Brasília.