TJDFT inaugura Fórum na Circunscrição Judiciária de Itapoã

por AB — publicado 2020-03-04T11:21:00-03:00

O Presidente do TJDFT, desembargador Romão C. Oliveira, inaugura, nesta quinta-feira, 5/3, o Fórum Desembargadora Maria Aparecida Fernandes da Silva, em Itapoã. A solenidade será realizada, às 16h, no hall de entrada do Fórum, localizado no lote 10, área especial, Centro de Recepção do Rádio Paranoá, Del Lago II.

Construído pela empresa EHS Construtora e Incorporadora Ltda, nos mesmos moldes do Fórum do Núcleo Bandeirante e o de Águas Claras, a nova Casa da Justiça tem 3 pavimentos (incluindo o subsolo) e foi erguida em uma área de cerca de 6.500m2. Conta ainda com estacionamento externo e atendimento pleno às normas de acessibilidade e de segurança. Além disso, o acesso ao Fórum está sendo todo pavimentado pelo GDF, o que irá facilitar o deslocamento de todos que precisarem se dirigir ao prédio.

Inicialmente, o Fórum da Circunscrição Judiciária do Itapoã contará com três unidades judiciais: uma Vara Cível, de Família e de Órfãos e Sucessões; uma Vara Criminal e um Juizado Especial Cível e Criminal e Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher. As ações de competência do Tribunal do Júri seguirão sendo atendidas pela Circunscrição do Paranoá, até a instalação de outras varas no novo Fórum.

A Região Administrativa de Itapoã está localizada a 30 quilômetros do Plano Piloto de Brasília e o novo Fórum beneficiará mais de 100 mil moradores, que hoje recorrem ao Fórum do Paranoá para buscar atendimento judicial e defender seus direitos.

Desembargadora Maria Aparecida Fernandes da Silva

Natural de Santo Antonio de Pádua (RJ), a magistrada que dá nome ao Fórum ingressou no cargo de juíza de direito substituta da Justiça do Distrito Federal e Territórios em 1981, sendo titularizada dois anos depois. Em 1995 foi promovida a desembargadora do TJDFT, aposentando-se em 2008. Antes, foi Diretora do Fórum da Circunscrição Judiciária de Taguatinga e do Fórum de Brasília, juíza eleitoral e membro suplente do Tribunal Regional Eleitoral do DF (biênio 2008/2010).Veio a falecer em 11 de abril de 2011, após 27 anos de intensa dedicação à magistratura da capital federal, sendo merecedora da homenagem que lhe é prestada.

Depois da desembargadora Maria Thereza de Andrade Braga Haynes (que dá nome ao Fórum da Circunscrição do Guará) é a segunda desembargadora que empresta seu nome a um prédio público do judiciário local, reconhecimento prestado no mês em que se comemora o Dia Internacional da Mulher.

 

Leia também

2ª Vara de Família, Órfãos e Sucessões e 1ª Vara Criminal do Paranoá têm expediente suspenso nesta quarta-feira