Semana Paz em Casa: TJDFT oferece curso de capacitação para forças da segurança pública

por CS — publicado 2021-08-19T06:00:00-03:00

Audiodescrição: Imagem de divulgação da aula magna do curso oferecido às forças policiais do Distrito Federal que será ministrada por três servidores do TJDFT. A imagem tem as fotos dos três palestrantes. Informações adicionais estão disponíveis no corpo da matéria.Ainda como parte das ações da 18ª Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa, o TJDFT, por meio do Núcleo Judiciário da Mulher – NJM, promoveu, nesta quinta-feira, 19/8, aula magna do curso Introdução à abordagem de grupos de homens autores de violência – Grupo Refletir, voltada à capacitação de membros das polícias militar e civil do Distrito Federal, Corpo de Bombeiros Militar – CBMDF, agentes penitenciários e servidores da Secretaria de Segurança Pública do DF – SSP/DF, indicados pelas respectivas corporações. Na oportunidade foi lançado o Manual de Orientações Teórico-Práticas do Grupo Reflexivo de Homens do NJM.

A aula de abertura foi ministrada pela mestre em Psicologia Clínica e Cultura Priscila Parada e pelo assistente social, professor e mestre em Política Social Marcos Francisco de Souza, ambos servidores do TJDFT. O curso vai até o dia 7/10, num total de 54 horas, entre aulas práticas e horas de supervisão.

A proposta da ação é que os participantes possam conhecer a perspectiva de gênero e a socionomia a respeito do funcionamento de grupos de homens autores de violência de gênero. Além disso, vai-se abordar a temática das masculinidades, numa perspectiva de gênero, e suas intersecções com a função policial. Os facilitadores do curso vão discutir, ainda, como identificar a relação entre masculinidade tóxica e violência contra as mulheres.

As discussões serão feitas em grupo e deverão ser embasadas na teoria pesquisada nas referências bibliográficas disponibilizada aos alunos. Durante a apresentação dos temas serão utilizadas técnicas de psicodrama socioeducativo que facilitam a imersão dos educandos na prática sociodramática. Algumas aulas de discussão teóricas serão seguidas de aulas vivenciais, onde os(as) participantes poderão experienciar os conceitos na execução da abordagem em grupo.

A programação da XVIII Semana Justiça pela Paz em Casa termina nesta sexta-feira, mas no TJDFT ela continua na semana que vem. Aguardem!

Manual do Grupo Reflexivo de Homens

Manual de Orientações Teórico-Práticas do Grupo Reflexivo de Homens do NJM é uma publicação destinada a todas as pessoas, órgãos, entidades, instituições governamentais ou não, que trabalham ou estão interessados em desenvolver grupos reflexivos com homens autores de violência doméstica e/ou familiar contra as mulheres, desde que respaldadas institucionalmente.

O Grupo Reflexivo de Homens do TJDFT é uma ação vinculada ao eixo judicial das atividades desenvolvidas pelo Núcleo Judiciário da Mulher. Ele atende homens que figuram como ofensores em processos vinculados aos Juizados de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher do DF. O grupo acontece desde abril de 2016. Até dezembro de 2020, cerca de 2.300 homens participaram do acompanhamento proposto.

Conheça o Manual de Orientações Teórico-Práticas do Grupo Reflexivo de Homens do NJM.

Outras ações

A Juíza Gislaine Carneiro Campos Reis, titular do Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Santa Maria, ministrou a palestra “Assédio sexual no ambiente de trabalho e violência doméstica e familiar contra a mulher: Um olhar reflexivo sobre a desigualdade histórica e jurídica de gênero”, na tarde desta quinta-feira, 19/8, para o Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal. O evento foi transmitido pelo canal oficial do TRE-DF no YouTube

Outro evento online, parte da campanha do Agosto Lilás no enfrentamento e combate aos diversos tipos de violências, o coordenador do Centro Judiciário da Mulher Polo Oeste no TJDFT, Marcos Francisco, participou da live "Violência doméstica contra meninas e mulheres e a Lei Maria da Penha", promovido pela Coordenação Regional de Ensino de Samambaia na manhã desta sexta-feira, 20/8. A íntegra do vídeo está disponível na página na página oficial da referida coordenação no YouTube.

Semana da Paz em Casa

O Programa Justiça pela Paz em Casa é promovido pelo Conselho Nacional de Justiça – CNJ, em parceria com os Tribunais de Justiça estaduais, e tem como objetivo ampliar a efetividade da Lei Maria da Penha (Lei 11.340/06), concentrando esforços para agilizar o andamento dos processos relacionados à violência de gênero.

O programa também promove ações interdisciplinares organizadas que objetivam dar visibilidade ao assunto e sensibilizar a sociedade para a realidade violenta que as mulheres brasileiras enfrentam.

O TJDFT lembra que o enfrentamento à violência contra a mulher é uma luta de toda a sociedade e pode começar por você. Ao menor sinal de violência, busque ajuda e denuncie. Ligue 180, 190 ou 197, opção 3.

Acessibilidade

Assista à aula inaugural do curso Introdução à abordagem de grupos de homens autores de violência

Confira a programação completa da 18a. Semana Nacional pela Paz em Casa no TJDFT

Confira a íntegra da Lei 11.340/2006, conhecida como Lei Maria da Penha