TJDFT aprimora serviços por meio de sugestões apresentadas à Ouvidoria

por RS — publicado 2024-01-25T10:00:00-03:00

A Ouvidoria desempenha um papel fundamental na transformação das instituições, por atuar como uma ponte entre os cidadãos e a administração. Ao receber e tratar manifestação dos usuários, o órgão atua a fim de melhorar a prestação dos serviços do Tribunal, a partir da percepção dos usuários da Justiça local.

Dessa forma, a Ouvidoria caracteriza-se como área estratégica para aprimoramentos contínuos e desempenha importante papel na construção de instituições mais transparentes, eficazes e centradas no cidadão. Além disso, contribui para promoção de uma sociedade mais justa e participativa.

O TJ ouviu e fez acontecer

A Ouvidoria do TJDFT é responsável  por receber diariamente demandas dos usuários da Justiça local. Você talvez não saiba, mas as manifestações apresentadas à Ouvidoria são sistematizadas para possibilitar, além do atendimento ao cidadão(ã), a correção de falhas ou a manutenção de práticas de modo a servir com qualidade quem procura o Tribunal.

No último ano, como exemplo de melhoria, foi registrada uma sugestão de padronização, no Balcão Virtual, da nomenclatura das unidades do Tribunal, que realizam atendimento por meio da plataforma. O "TJ ouviu" a manifestação do usuário, que informou que as Turmas Recursais dos Juizados Especiais são enumeradas, na lista de setores disponíveis, com um número ordinal, enquanto as Turmas Cíveis ou Criminais são listadas por extenso. Essa ausência de uniformidade fazia com que as pessoas interessadas, frequentemente, acionassem equivocadamente as unidades.

A demanda foi encaminhada à Assessoria de Soluções em Sistemas Administrativos da Secretária-Geral do TJDFT, que promoveu o ajuste, de modo que agora o usuário pode realizar a pesquisa da unidade, utilizando tanto numeral ordinal, quanto o número por extenso, pois o sistema exibirá todas as unidades que atendam ao critério de pesquisa, mesmo que a nomenclatura oficial da unidade seja distinta da forma de busca usada pelo usuário. Assim, o TJDFT “fez acontecer” a melhoria, a partir da manifestação do cidadão.

Canais da Ouvidoria

Em caso de sugestões, pedidos de informação, elogios, reclamações e denúncias relativas à atuação do Tribunal, entre em contato com a Ouvidoria pelos canais abaixo, das 12h às 19h, em dias úteis:
  • Formulário eletrônico: tjdft.jus.br/ouvidoria/formulario-eletronico;
  • Telefone: 0800 6146466
  • E-mail: ouvidoria@tjdft.jus.br
  • Correspondência: TJDFT - Ouvidoria-Geral - Praça Municipal, Lote 1, Fórum Milton Sebastião Barbosa, Bloco A, 5º andar, ala C, sala 523, Brasília-DF, CEP 70094-900.
  • Presencialmente: TJDFT - Ouvidoria-Geral - Praça Municipal, Lote 1, Fórum Milton Sebastião Barbosa, Bloco A, 5º andar, sala 523, Brasília-DF