Portaria SEG 139 de 17/10/2008

Compõe Comissão de Processo Disciplinar.

PORTARIA SEG N 139, DE 17 DE OUTUBRO DE 2008

Brasão da República

Poder Judiciário da União
Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios
Secretaria-Geral do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios

PORTARIA SEG 139 DE 17 DE OUTUBRO DE 2008

A SECRETÁRIA-GERAL DA PRESIDÊNCIA DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO DISTRITO FEDERAL E DOS TERRITÓRIOS, no uso de sua competência legal e regulamentar e tendo em vista o contido no PA nº 12.269/2008,

RESOLVE:

Art 1º
Compor Comissão de Processo Disciplinar, com fundamento nos arts. 143 e 144 da Lei nº. 8.112, de 11 de dezembro de 1990, e na forma da Portaria GPR nº. 723, de 21 de setembro de 2007, alterada pela Portaria GPR nº 256, de 9 de abril de 2008, a fim de apurar conduta imputada ao servidor N.X.S., Técnico Judiciário, Especialidade Segurança, Matrícula nº. 308.923, por em tese, apresentar comportamento impróprio para o cargo que ocupa, assediando com palavras inadequadas as funcionárias terceirizadas que trabalham no Fórum localizado no SIA, e mulheres transeuntes que adentram àquele local, gerando um desconforto para os demais colegas e comprometendo o bom andamento do serviço, bem como por apresentar-se trajando de forma inadequada para o exercício de sua função.

Art. 2º
Estabelecer o prazo de 60 (sessenta) dias, a contar da publicação desta Portaria, para a consecução do item precedente.


IVANA H. UEDA RESENDE
Secretária-Geral da Presidência

Este texto não substitui o publicado no Boletim Interno



R E T I F I C A Ç Ã O

Na Portaria SEG nº 139, de 17 de outubro de 2008, publicada na Intranet deste Tribunal, no dia 20 de outubro de 2008, onde se lê: ``(...) por em tese, apresentar comportamento impróprio para o cargo que ocupa, assediando com palavras inadequadas as funcionárias terceirizadas que trabalham no Fórum localizado no SIA, e mulheres transeuntes que adentram àquele local, gerando um desconforto para os demais colegas e comprometendo o bom andamento do serviço, bem como por apresentar-se trajando de forma inadequada para o exercício de sua função'', leia-se: ``(...) por, em tese, apresentar comportamento impróprio para o cargo que ocupa, assediando com palavras inadequadas as funcionárias terceirizadas que trabalham no Fórum localizado no SIA, e jurisdicionadas que adentram as dependências deste Tribunal de Justiça, gerando um desconforto para os demais colegas e comprometendo o bom andamento do serviço; por apresentar-se trajando de forma inadequada para o exercício de sua função; e para apuração dos fatos contidos nos P.A.'s nº 10.310/2008 e nº 15.486/2008, em razão do mesmo `modus operandi' praticado pelo servidor''.

IVANA H. UEDA RESENDE
Secretária-Geral do TJDFT

Este texto não substitui o publicado no Boletim Interno